Your browser doesn't support javascript.
loading
A crise como potência: os cuidados de proximidade e a epidemia pela Covid-19 / La crisis como potencia: los cuidados de proximidad y la epidemia de Covid-19 / Crisis as potentiality: proximity care and the epidemic by Covid-19
Seixas, Clarissa Terenzi; Merhy, Emerson Elias; Feuerwerker, Laura Camargo Macruz; Santo, Tiago Braga do Espírito; Slomp Junior, Helvo; Cruz, Kathleen Tereza da.
Afiliação
  • Seixas, Clarissa Terenzi; Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Enfermagem. Departamento de Enfermagem de Saúde Pública. Rio de Janeiro. BR
  • Merhy, Emerson Elias; Universidade Federal do Rio de Janeiro. Macaé. BR
  • Feuerwerker, Laura Camargo Macruz; Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. São Paulo. BR
  • Santo, Tiago Braga do Espírito; Uerj. FE. Departamento de Enfermagem Médico-Cirúrgica. Rio de Janeiro. BR
  • Slomp Junior, Helvo; Universidade Federal do Rio de Janeiro. Macaé. BR
  • Cruz, Kathleen Tereza da; Universidade Federal do Rio de Janeiro. Macaé. BR
Interface (Botucatu, Online) ; 25(supl.1): e200379, 2021.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1134603
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
Este artigo busca tensionar os equívocos do modelo biomédico hospitalocêntrico privatizante com base na resposta à epidemia pela Covid-19, que tem como centralidade o cuidado no hospital e as tecnologias duras e leve-duras. Mostramos, como elementos agravantes nesse cenário, o projeto político governamental de desfinanciamento do sistema público de saúde e de outras políticas sociais. Trazendo a experiência de outros países para a cena, apresentamos os "cuidados de proximidade" como construção de base territorial centrada nas tecnologias leves para a produção de cuidados de alta complexidade, presentes sob diversas modelagens no Sistema Único de Saúde (SUS), que vêm sendo pouco aproveitadas nesse momento. Buscamos mostrar o potencial dos cuidados de proximidade para a criação de redes vivas de existência e as possibilidades que abrem para reconfigurar não apenas o modelo de enfrentamento da epidemia, mas também o do pós-pandemia.
RESUMEN
El objetivo de este artículo es tensionar los equívocos del modelo biomédico centrado en el hospital privatizador a partir de la respuesta a la epidemia de Covid-19, que tienen como centro el cuidado en el hospital y las tecnologías duras y leves-duras. Traemos como elementos agravantes en este escenario el proyecto político gubernamental de desfinanciación del sistema público de salud y de otras políticas sociales. Colocando en escena la experiencia de otros países, presentamos los 'Cuidados de Proximidad' como construcción de base territorial centrada en las tecnologías leves para la producción de cuidados de alta complejidad, presente bajo diversos modelados en el Sistema Brasileño de Salud (SUS), que se ha aprovechado poco en este momento. Buscamos mostrar el potencial de los cuidados de proximidad para la creación de redes vivas de existencia y las posibilidades que abre para reconfigurar no solo el modelo de enfrentamiento de la epidemia, sino también el de la postpandemia.
ABSTRACT
This article aims at questioning the privatizing hospital-centered biomedical model from the point of view of the response to the Covid-19 epidemic, which focuses on hospital care and hard and light-hard technologies. In this context, we argue that the governmental political project of defunding the public health system and other social policies severely aggravates this scenario. Putting under the spotlight the experiences of other countries, we present 'Proximity Care' as a territorial-based construction centered on light technologies for the production of highly complex care. Proximity Care appears under various shapes in the Brazilian National Health Sytem (SUS) and has been presently underused. We show its potential for the creation of living networks of existence and the possibilities that it opens to reconfigure not only the model of coping with the epidemic, but also that of the post-pandemic.

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais / Brasil Base de dados: LILACS / Sec. Est. Saúde SP Tipo de estudo: Estudo de rastreamento Idioma: Português Revista: Interface (Botucatu, Online) Ano de publicação: 2021 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Uerj/BR / Universidade Federal do Rio de Janeiro/BR / Universidade de São Paulo/BR / Universidade do Estado do Rio de Janeiro/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais / Brasil Base de dados: LILACS / Sec. Est. Saúde SP Tipo de estudo: Estudo de rastreamento Idioma: Português Revista: Interface (Botucatu, Online) Ano de publicação: 2021 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Uerj/BR / Universidade Federal do Rio de Janeiro/BR / Universidade de São Paulo/BR / Universidade do Estado do Rio de Janeiro/BR
...