Your browser doesn't support javascript.
loading
Humanización en el cuidado neonatal / Humanization in neonatal care / A humanização no atendimento neonatal
Parada Rico, Doris Amparo.
Afiliação
  • Parada Rico, Doris Amparo; Universidad Francisco de Paula Santander. Cúcuta. CO
Rev. cienc. cuidad ; 9(2): 71-80, 2012.
Artigo em Espanhol | LILACS, BDENF - Enfermagem, COLNAL | ID: biblio-906892
Biblioteca responsável: CO648.1
RESUMEN
La neonatología moderna, como lo refiere Vieira G. (2003) suele ser bastante agresiva (1). La expectativa de vida en los recién nacidos prematuros y niños críticos ha aumentado a través del tiempo con el uso de la tecnología, sin embargo el cuidado ofrecido a estos pacientes debe ser analizado y discutido para obtener consensos que promuevan la calidad de vida del niño y su familia, puesto que en ocasiones son mínimos los límites entre tratamiento terapéutico, la distanasia y el "mal morir", que termina siendo "deshumanización del cuidado". Aunado a lo anterior el vínculo familiar y la presencia de los padres durante la toma de decisiones ha tenido una representación muy incipiente que impide actuaciones en el equipo de salud.
ABSTRACT
The modern neonatology, as regards M. Vieira (2003) is usually quite aggressive (1). Life expectancy in preterm infants and children has increased critical over time with the use of technology, however the care given to these patients should be analyzed and discussed to obtain consensus that promote quality of life of children and his family, since sometimes minimal boundaries between therapeutic treatment dysthanasia and "bad death", which ends up being "dehumanization of care." Added to this the family relationship and the presence of parents in decision making has been represented very early performances preventing the health team.
RESUMO
A moderna neonatologia, no que respeita M. Vieira (2003) é geralmente bastante agressivo (1). A expectativa de vida em prematuros e crianças aumentou crítica ao longo do tempo com o uso da tecnologia, no entanto, o atendimento a esses pacientes devem ser analisados e discutidos para obter consenso de que promover a qualidade de vida de crianças e sua família, uma vez que, por vezes, os limites mínimos entre a distanásia tratamento terapêutico e "morte ruim", o que acaba sendo "desumanização do atendimento." Adicionado a isso a família relacionamento e da presença dos pais na tomada de decisões tem sido representado performances muito cedo impedindo a equipe de saúde.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / COLNAL / LILACS Assunto principal: Recém-Nascido Idioma: Espanhol Revista: Rev. cienc. cuidad Assunto da revista: Enfermagem / SERVI€OS DE SAUDE Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Colômbia Instituição/País de afiliação: Universidad Francisco de Paula Santander/CO

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / COLNAL / LILACS Assunto principal: Recém-Nascido Idioma: Espanhol Revista: Rev. cienc. cuidad Assunto da revista: Enfermagem / SERVI€OS DE SAUDE Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Colômbia Instituição/País de afiliação: Universidad Francisco de Paula Santander/CO
...