Your browser doesn't support javascript.
loading
Associação entre estado nutricional e vulnerabilidade em idosos institucionalizados / Association between nutritional status and vulnerability in institutionalized elderly
Mantovani, Luisa Montone; Viebig, Renata Furlan; Morimoto, Juliana Masami.
Afiliação
  • Mantovani, Luisa Montone; Universidade Presbiteriana Mackenzie. São Paulo. BR
  • Viebig, Renata Furlan; Universidade Presbiteriana Mackenzie. São Paulo. BR
  • Morimoto, Juliana Masami; Universidade Presbiteriana Mackenzie. São Paulo. BR
Braspen J ; 33(2): 181-187, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-910157
Biblioteca responsável: BR784
Localização: BR12.1
RESUMO

Objetivo:

Associar o estado nutricional e a vulnerabilidade em idosos institucionalizados da capital e do interior do Estado de São Paulo.

Método:

Trata-se de um estudo transversal descritivo, realizado em três Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) da capital e do interior de São Paulo, cuja amostra foi composta por 52 idosos. Foram aplicados a Mini Avaliação Nutricional (MAN) e o Protocolo de Identificação do Idoso Vulnerável (VES-13), e coletadas variáveis antropométricas para caracterizar o risco nutricional e a vulnerabilidade dos idosos. As análises estatísticas foram realizadas com auxílio do software SPSS, em um nível de significância de 5%.

Resultados:

A idade média dos participantes foi de 76,23 anos (DP=9,18), sendo que os idosos da capital eram mais velhos, com idade média de 81,23 anos (p<0,001). Somente os idosos do interior não apresentavam risco nutricional (p<0,001). Os idosos do interior apresentaram média de circunferência da panturrilha maior do que os idosos da capital (p<0,001). Os idosos da capital eram significativamente mais vulneráveis do que os do interior (p<0,001; 92,3% vs. 42,3%). Houve correlação moderada e inversa entre MAN e VES-13 (r=0,55; p<0,01). Embora os idosos da capital fossem significativamente mais velhos, não se observou influência significativa da idade na vulnerabilidade dos idosos.

Conclusões:

Os idosos institucionalizados do interior apresentaram melhor estado nutricional, menor risco nutricional e menor vulnerabilidade em comparação aos idosos da capital paulista.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Idoso / Envelhecimento / Estado Nutricional / Análise de Vulnerabilidade Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Braspen J Assunto da revista: Ciˆncias da Nutri‡Æo Ano de publicação: 2018 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Presbiteriana Mackenzie/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Idoso / Envelhecimento / Estado Nutricional / Análise de Vulnerabilidade Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Braspen J Assunto da revista: Ciˆncias da Nutri‡Æo Ano de publicação: 2018 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Presbiteriana Mackenzie/BR
...