Your browser doesn't support javascript.
Estimulando o uso de evidências científicas na tomada de decisão / Coletânea: Síntese de Evidencias para Políticas de Saúde / Stimulating the use of scientific evidence in decision-making
Brasília, DF; Ministério da Saúde; 2 ed; 2016. 34 p.
Monografia em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-942979
Biblioteca responsável: BR276.2
Localização: BR276.2; 614.39, B823e, F
RESUMO
Um dos principais desafios das políticas de saúde é promover o uso sistemático de evidências científicas na sua formulação e implementação. Esse desafio é ainda mais significativo em países como o Brasil, onde os resultados das políticas de saúde são condicionados também por fatores socioeconômicos e os recursos disponíveis são limitados. Nesse cenário, o uso das melhores evidências científicas disponíveis deve ser empregado com o objetivo de melhorar a aplicação de recursos, buscando mais efetividade na promoção, prevenção e atenção à saúde. A pouca utilização das evidências científicas se deve a diferentes fatores, desde dificuldades que tomadores de decisão têm para interpretar, adaptar e aplicar o conhecimento científico ao baixo nível de interação entre política e pesquisa. Melhorar o uso das evidências científicas na formulação e implementação de políticas de saúde inclui processos de tradução e disseminação do conhecimento, considerando sempre os contextos institucionais e sociais relacionados, além de aspectos de equidade.
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais / Brasil Base de dados: LILACS / Coleciona SUS Assunto principal: Política Pública / Saúde Pública Tipo de estudo: Síntese de evidências Limite: Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Monografia