Your browser doesn't support javascript.
loading
Perfil Social e Funcional dos Usuários da Estratégia Saúde da Família com Acidente Vascular Encefálico / Social and Functional Profile of Userswith Stroke Assisted by the Family Health Strategy
Medeiros, Candice Simões Pimenta de; Silva, Ozair Argentille Pereira da; Araújo, Usciele Bezerra de; Souza, Damião Ernane de; Cacho, Enio Walker Azevedo; Cacho, Roberta de Oliveira.
Afiliação
  • Medeiros, Candice Simões Pimenta de; s.af
  • Silva, Ozair Argentille Pereira da; s.af
  • Araújo, Usciele Bezerra de; s.af
  • Souza, Damião Ernane de; Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Natal, RN. BR
  • Cacho, Enio Walker Azevedo; Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi. Santa Cruz, RN. BR
  • Cacho, Roberta de Oliveira; Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi. Santa Cruz, RN. BR
Rev. bras. ciênc. saúde ; 21(3): 211-220, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-986560
Biblioteca responsável: BR8.1
Localização: BR8.1, v.21, n.3
RESUMO

Objetivo:

Analisar o perfil social e funcional dos usuários de Unidade Básica de Saúde/Estratégia Saúde da Família com Acidente Vascular Encefálico (AVE) em Santa Cruz, município do estado do Rio Grande do Norte. Material e

Métodos:

Tratase de um estudo transversal constituído por 39 indivíduos com diagnóstico clínico de AVE. Foram avaliados o perfil sociodemográfico e o comprometimento cognitivo, funcional e sensório motor através das escalas Mini Exame do Estado Mental (MEEM), Medida de Independência Funcional (MIF), Escala de Equilíbrio de Berg (EEB), Protocolo de Desempenho Físico Fugl-Meyer (FM), Timed Up and Go (TUG) e a escala de Deambulação Funcional (FAC).

Resultados:

A idade média dos indivíduos foi 68,94±14,01 anos onde 56,41% eram mulheres, 58,97% casados, 58,97% pardos, 46,15% analfabetos, 41,03% agricultores, 71,79% aposentados e 84,62% residentes em casa própria. O hemisfério cerebral esquerdo (56,41%) e o tipo isquêmico (61,54%) mostraram-se mais prevalentes nesta população. O tempo de lesão após o AVE foi de 6,7±6,9 anos, onde 66,67% apresentaram um único evento. 97,40% dos avaliados apresentavam fatores de risco associados. A Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) (74,35%) foi o de maior destaque. No MEEM observou-se 82,05% da amostra com grave comprometimento cognitivo, 48,72% com pontuação da MIF indicando maior independência funcional, grave comprometimento motorna FM (46,88%) e equilíbrio pobre com significativo risco para quedas na pontuação da EEB (43,59%) e TUG (36%).

Conclusão:

O elevado acometimento do AVE está relacionado com as características epidemiológicas da região,assim como os déficits funcionais, cognitivos e sensório motores encontrados evidenciando um grave problema de saúde pública. (AU)
ABSTRACT

Objective:

To analyze the social and functional profile of users with stroke assisted by the Primary Care Health Unit/ Family Health Strategy in the city of Santa Cruz, Rio Grande do Norte State, Brazil. Materials and

Methods:

This was a cross-sectional study including 39 individuals with a clinical diagnosis of stroke. The sociodemographic, cognitive, functional and sensory motor impairment profiles of the users were evaluated using the following tools Mini-Mental State Examination (MEEM), Functional Independence Measure (MIF), Berg Balance Scale (EEB), Fugl-Meyer Assessment Scale (FM), Timed Up and Go (TUG) and Functional Ambulation Scale (FAC).

Results:

The mean age of individuals was 68.94±14.01 years, where 56.41% were woman, 58.97% married, 58.97% mixed race, 46.15% illiterate, 41.03% farmers, 71.79% retirees, and 84.62% living in their own house. The leftcerebral hemisphere (56.41%) was the most affected side and ischemic stroke (61.54%) the most prevalent condition in this population. The injury time after stroke was 6.7±6.9 years, and66.67% of the individual shad a single stroke; 97.4% of them presented as sociated risk factors, particularly systemic arterial hypertension (HAS) (74.35%). The MEEM indicated that 82.05% of the sample had severe cognitive impairment; 48.72% of the sample showed MIF score indicative of functional independence; 46.88% showed severe motor impairment in FM; and poor balance with significant risk for falls was found to be 43.59%and 36% based on EEB and TUG scores, respectively.

Conclusion:

The high prevalence of stroke is related with the epidemiological characteristics of the region as well as with functional, cognitive and sensory motor deficits, which indicates a serious public health problem. (AU)
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Epidemiologia / Acidente Vascular Cerebral Tipo de estudo: Estudo de avaliação / Estudo de prevalência Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Rev. bras. ciênc. saúde Assunto da revista: Medicina Ano de publicação: 2017 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi/BR / Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Epidemiologia / Acidente Vascular Cerebral Tipo de estudo: Estudo de avaliação / Estudo de prevalência Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Rev. bras. ciênc. saúde Assunto da revista: Medicina Ano de publicação: 2017 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi/BR / Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE/BR
...