Your browser doesn't support javascript.
loading
Percepção do estresse e estressores de enfermeiros de um hospital universitário / Perception of stress and stressors in nurses of a university hospital / Percepción de estrés y estresores en enfermeros de un hospital universitario
Silva, Jéssica Martins da; Malagris, Lucia Emmanoel Novaes.
Afiliação
  • Silva, Jéssica Martins da; s.af
  • Malagris, Lucia Emmanoel Novaes; Universidade Federal do Rio de Janeiro. Instituto de Psicologia. Programa de Pós-Graduação em Psicologia. Rio de Janeiro. BR
Estud. pesqui. psicol. (Impr.) ; 19(1): 71-88, jan.-abr. 2019. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-999327
Biblioteca responsável: BR1691.1
RESUMO
Este estudo avaliou a percepção de estresse e estressores de enfermeiros de um hospital universitário e coletou sugestões de ações para amenizar o estresse. O estudo, descritivo, transversal, qualitativo e quantitativo foi realizado com 70 enfermeiros de diversas unidades de um hospital. Utilizou-se a Escala de Estresse de Bianchi e uma pergunta aberta. Os dados quantitativos foram analisados pelo programa SPSS e foram feitas análises descritivas e inferenciais. Para os dados qualitativos, utilizou-se a técnica de análise de conteúdo de Bardin. Resultados indicaram que a maior parte (67%) dos sujeitos apresentou nível médio de estresse. O domínio B (atividades relacionadas ao funcionamento adequado da unidade) teve a média de escore de estresse mais alta (5,2) em todas as unidades estudadas. A média de estresse dos enfermeiros que exercem função de chefia foi significantemente maior do que a média dos que não exercem (p=0,002). A área temática "Melhores condições para o trabalho" foi a mais citada como sugestão para amenizar o estresse. Os dados obtidos indicaram que a situação atual de precarização do hospital está relacionada com o estresse dos enfermeiros. Considera-se que o estudo permitiu ampla compreensão sobre o estresse e estressores em enfermeiros do hospital e subsídios para estudos posteriores.(AU)
ABSTRACT
This study evaluated the perception of stress and stressors of nurses at a university hospital and collected suggestions for actions to relieve stress. Descriptive, cross-sectional qualitative and quantitative study with 70 nurses from different hospital units. The Bianchi Stress Scale was used and an open question was applied. The quantitative data were analyzed using the SPSS program and descriptive and inferential analyzes were used. For qualitative data, the Bardin content analysis technique was used. The results indicated that most of the participants (67%) had a medium level of stress. Domain B (activities related to the proper functioning of the unit) had the highest average stress score in all units studied. The mean stress level of nurses who performed leadership was significantly higher than the average of those who did not (p = 0.002). The thematic area "Better conditions for work" was the most cited as a suggestion to relieve stress. The data obtained indicates that the current situation of precariousness of the hospital is related to the nurses' stress. It is considered that the study allowed a broad understanding on the stress and stressors of hospital nurses and subsidies for further studies.(AU)
RESUMEN
Este estudio evaluó la percepción del estrés y estresores de enfermeros de un hospital universitario y recogió sugerencias de acciones para amenizar el estrés. Estudio descriptivo, transversal, cualitativo y cuantitativo se realizó con 70 enfermeros de varias unidades de un hospital. Se utilizó la Escala de estrés de Bianchi y una pregunta abierta. Los datos cuantitativos fueron analizados por el programa SPSS. Para los datos cualitativos se utilizó la técnica de análisis de contenido de Bardin. Los resultados indicaron que 67% presentaron un nivel medio de estrés. El dominio B (actividades relacionadas al funcionamiento adecuado de la unidad) tuvo el promedio de puntuación de estrés más alta (5,2) en todas las unidades estudiadas. El promedio de estrés de los enfermeros que ejercen función de dirección fue significativamente mayor que el promedio de los que no ejercen (Test t de student p = 0,002). El área temática "Mejores condiciones para el trabajo" fue la más citada como sugerencia para amenizar el estrés. Los datos obtenidos indican que la situación de precarización del hospital está relacionada con el estrés de los enfermeros. Se considera que el estudio permitió una amplia comprensión sobre el estrés y estrés de los enfermeros del hospital y subsidios para estudios posteriores.(AU)
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos / LILACS Assunto principal: Fatores Desencadeantes / Estresse Ocupacional / Hospitais Universitários Limite: Adulto / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Estud. pesqui. psicol. (Impr.) Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Rio de Janeiro/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos / LILACS Assunto principal: Fatores Desencadeantes / Estresse Ocupacional / Hospitais Universitários Limite: Adulto / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Estud. pesqui. psicol. (Impr.) Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Rio de Janeiro/BR