Your browser doesn't support javascript.
loading
Contaminação Ambiental por enteroparasitas presentes em fezes de cães em uma região do Pantanal / Environmental Contamination by enteroparasites present in the feces of dogs in a Pantanal region
Rosales, Thaisa Fernanda de Lima; Malheiros, Antonio Fransico.
Afiliação
  • Rosales, Thaisa Fernanda de Lima; Universidade do Estado de Mato Grosso. Departamento de Ciências Ambientais. Cáceres. BR
  • Malheiros, Antonio Fransico; Universidade do Estado de Mato Grosso. Departamento de Ciências Ambientais. Cáceres. BR
Mundo saúde (Impr.) ; 41(3): 368-377, maio, 2017. ilus, graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-999678
Biblioteca responsável: BR599.1
RESUMO
A contaminação ambiental por fezes de cães em lugares públicos é um fator de risco para a transmissão de enteroparasitas, pois alguns parasitas intestinais que acometem os cães possuem potencial zoonótico. Objetivou-se por meio da realização deste trabalho descrever a prevalência de enteroparasitas, presentes em fezes de cães (Canis lupus familiaris), utilizando-os como indicadores de contaminação ambiental, em áreas públicas urbanas em uma região do Pantanal Mato-grossense. Durante os meses de maio e junho de 2016 foram coletadas 120 amostras de fezes de cãe sem áreas públicas em Cáceres-MT. As fezes coletadas foram analisadas utilizando-se microscópio óptico no laboratório de Parasitologia da Universidade do Estado de Mato Grosso. Para um diagnóstico mais preciso, foram empregadas duas técnicas coprológicas em cada amostra de fezes coletada, método de Hoffman, Pons e Janer e método de Fauste colaboradores. Para verificar a semelhança entre a riqueza de espécies de parasitas nas diversas áreas utilizou-se o índice de similaridade de Jaccard e a análise de PERMANOVA. Entre as amostras analisadas 67,5% foram positivaspara pelo menos um parasita. Os helmintos mais prevalentes pertencem a família Ancylostomatidae (34,16%) e o protozoário intestinal mais prevalente foi Giardia spp. (18,33%). Por meio dos resultados do índice de Jaccard (p<0.05)e da análise de PERMANOVA (R2 = 0.04) observou-se que as áreas são similares a riqueza de espécies encontradas.Conclui-se que as fezes de cães desempenham um papel importante na contaminação ambiental por enteroparasitasnesta região do Pantanal mato-grossense, representando um risco para saúde de seres humanos e de outros animais
ABSTRACT
Environmental contamination by dog feces in public places is a risk factor for the transmission of enteroparasites,since some intestinal parasites that affect dogs have zoonotic potential. The objective of this work was to describe theprevalence of intestinal parasites present in dog feces (Canis lupus familiaris), using them as indicators of environmentalcontamination in public urban areas in a region of the Mato Grosso State Pantanal. During the months of May and Juneof 2016, 120 samples of dog feces were collected in public areas in Cáceres-MT. The collected feces were analyzedusing an optical microscope in the Parasitology laboratory of the State University of Mato Grosso. For a more accuratediagnosis, two coprological techniques were used in each fecal sample collected, the Hoffman, Pons and Janer method,and the method of Faust et al. To verify the similarity between the richness of parasites species in the different areas, theJaccard similarity index and the PERMANOVA analysis were used. Among the samples analyzed, 67.5% were positivefor at least one intestinal parasite. The most prevalent helminths belong to the family Ancylostomatidae (34.16%), andthe most prevalent intestinal protozoan was Giardia spp. (18.33%). The Jaccard index (p <0.05) and the PERMANOVAanalysis (R2 = 0.04) showed that the areas are similar in the richness of the species found. It is concluded that dog fecesplay an important role in the environmental contamination by enteroparasites in this region of the Mato Grosso StatePantanal, representing a risk to the health of humans and other animals
Assuntos


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Negligenciadas Problema de saúde: Helmintíase / Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Zoonoses / Saúde Ambiental / Animais Domésticos Tipo de estudo: Fatores de risco Limite: Animais Idioma: Português Revista: Mundo saúde (Impr.) Assunto da revista: Medicina / Saúde Pública Ano de publicação: 2017 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade do Estado de Mato Grosso/BR

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Negligenciadas Problema de saúde: Helmintíase / Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Zoonoses / Saúde Ambiental / Animais Domésticos Tipo de estudo: Fatores de risco Limite: Animais Idioma: Português Revista: Mundo saúde (Impr.) Assunto da revista: Medicina / Saúde Pública Ano de publicação: 2017 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade do Estado de Mato Grosso/BR
...