Your browser doesn't support javascript.
loading
Programa Saúde da Família e condições sensíveis à atenção primária, Bagé (RS) / Family Health Program and ambulatory care-sensitive conditions in Southern Brazil
Nedel, Fúlvio Borges; Facchini, Luiz Augusto; Martín-Mateo, Miguel; Vieira, Lúcia Azambuja Saraiva; Thumé, Elaine.
Afiliação
  • Nedel, Fúlvio Borges; Universidade Federal de Pelotas. Faculdade de Medicina. Departamento de Medicina Social. Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia. Pelotas. Brasil
  • Facchini, Luiz Augusto; Universidade Federal de Pelotas. Faculdade de Medicina. Departamento de Medicina Social. Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia. Pelotas. Brasil
  • Martín-Mateo, Miguel; Universitat Autònoma de Barcelona. Facultat de Medicina. Unitat de Bioestadística. Grups de Recerca d'Amèrica i Àfrica Llatines. Barcelona. Espanha
  • Vieira, Lúcia Azambuja Saraiva; Universidade da Região da Campanha. Centro de Ciências da Saúde. Bagé. Brasil
  • Thumé, Elaine; Universidade Federal de Pelotas. Faculdade de Medicina. Departamento de Medicina Social. Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia. Pelotas. Brasil
Rev. saúde pública ; 42(6): 1041-1052, dez. 2008. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-59285
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT

OBJETIVO:

Condições sensíveis à atenção primária (CSAP) são problemas de saúde atendidos por ações do primeiro nível de atenção. A necessidade de hospitalização por essas causas deve ser evitada por uma atenção primária oportuna e efetiva. O objetivo do estudo foi estimar a probabilidade do diagnóstico de CSAP em pacientes hospitalizados pelo Sistema Único de Saúde.

MÉTODOS:

Estudo transversal com 1.200 pacientes internados entre setembro/2006 e janeiro/2007 em Bagé (RS). Os pacientes responderam a questionário aplicado por entrevistadoras, sendo classificados segundo o modelo de atenção utilizado previamente à hospitalização. As CSAP foram definidas em oficina promovida pelo Ministério da Saúde. Analisaram-se variáveis demográficas, socioeconômicas, de situação de saúde e relativas aos serviços de saúde utilizados. A análise multivariável foi realizada por modelo de Poisson, seguindo modelo teórico hierárquico de determinação da hospitalização segundo sexo e modelo de atenção.

RESULTADOS:

O total de 42,6 por cento das internações foi por condições sensíveis à atenção primária. A probabilidade de que o diagnóstico principal de internação seja por uma dessas condições aumenta com as características ser do sexo feminino, ter idade menor de cinco anos, ter escolaridade menor de cinco anos, ter sido hospitalizado no ano anterior à entrevista, ter consulta médica na emergência, estar internado no hospital universitário. Associaram-se à probabilidade de CSAP (a) mulheres faixa etária, escolaridade, tempo de funcionamento da unidade de saúde, residir em área de saúde da família, ser usuária do Programa Saúde da Família, consulta médica na emergência no mês anterior à pesquisa e hospital de internação; (b) homens faixa etária, ter sofrido outra internação no ano anterior à entrevista e o hospital de internação.

CONCLUSÕES:

As condições sensíveis à atenção primária permitem identificar grupos carentes de atenção à saúde adequada. Embora o estudo não permita inferências sobre o risco de internação, as análises por sexo e modelo de atenção sugerem que o Programa Saúde da Fampília é mais eqüiitativo que a atenção básica tradicional. (AU)
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: 11_ODS3_cobertura_universal / Agenda de Saúde Sustentável para as Américas Tema em saúde: 11_multisectoral_coordination / Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Atenção Primária à Saúde / 36397 / Serviços de Saúde / Hospitalização Tipo de estudo: Estudo observacional / Estudo de prevalência País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. saúde pública Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Pelotas/Brasil / Universidade da Região da Campanha/Brasil / Universitat Autònoma de Barcelona/Espanha
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: 11_ODS3_cobertura_universal / Agenda de Saúde Sustentável para as Américas Tema em saúde: 11_multisectoral_coordination / Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Atenção Primária à Saúde / 36397 / Serviços de Saúde / Hospitalização Tipo de estudo: Estudo observacional / Estudo de prevalência País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. saúde pública Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Pelotas/Brasil / Universidade da Região da Campanha/Brasil / Universitat Autònoma de Barcelona/Espanha
...