Your browser doesn't support javascript.
loading
Perfil do conhecimento sobre sexualidade e Aids de profissionais de saúde que atuam nas equipes do Programa Saúde da Família de Fortaleza, Ceará / Profile of knowledge about sexuality and aids amongst healthcare professionals working in family health programs in Fortaleza, Ceará, Brazil
Silva, Ana Cláudia Espirito Santo; Kerr, Lígia Regina Franco Sansigolo; Galvão, Teresinha Gimeniz; Linhares, Ângela Maria Bessa; Pontes, Ricardo José Soares.
Afiliação
  • Silva, Ana Cláudia Espirito Santo; Universidade Federal do Ceará. Departamento de Saúde Comunitária. Fortaleza. Brasil
  • Kerr, Lígia Regina Franco Sansigolo; Universidade Federal do Ceará. Departamento de Saúde Comunitária. Fortaleza. Brasil
  • Galvão, Teresinha Gimeniz; Universidade Federal do Ceará. Departamento de Enfermagem. Fortaleza. Brasil
  • Linhares, Ângela Maria Bessa; Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Educação. Departamento de Teoria e Prática. Fortaleza. Brasil
  • Pontes, Ricardo José Soares; Universidade Federal do Ceará. Departamento de Saúde Comunitária. Fortaleza. Brasil
Cad. saúde colet., (Rio J.) ; 15(2): 183-198, abr.-jun. 2007. tab
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-60024
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT
Objetivou-se conhecer as opiniões e saberes sobre sexualidade e Aids entre médicos e enfermeiros do Programa Saúde da Família, PSF. Realizou-se um estudo descritivo entre 61 profissionais da saúde que compõem as equipes do PSF de Fortaleza, CE, entre setembro e outubro de 2002. Para a coleta de dados, utilizou-se instrumento adaptado do questionário de pesquisa nacional acerca do comportamento sexual da população brasileira. Os resultados indicaram ampla rejeição dos profissionais à prática sexual entre pessoas do mesmo sexo e às relações sexuais extraconjugais. Apesar de a maioria informar treinamentos que abordavam a temática Aids, alguns revelaram formas inadequadas de transmissão do vírus, como usar banheiros públicos, compartilhar talheres e usar condom nas relações sexuais. A maioria apontou que os preservativos são desagradáveis, mas devem-se usá-los para se evitar a Aids. Concluiu-se que nas equipes existe uma diferença de classes e gênero permeada por relações intrínsecas de poder. As opiniões desses profissionais, apesar dos conhecimentos específicos e treinamentos impetrados, são atravessadas por uma forte influência de assepsia dos corpos, caracterizada por um conjunto de vivências e valores, que não se diferenciam muito da população em geral. (AU)
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.3: Acabar com as doenças tropicais negligenciadas e combater as doenças transmissíveis Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde / Síndrome de Imunodeficiência Adquirida / Pessoal de Saúde / Sexualidade / 36397 Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Cad. saúde colet., (Rio J.) Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Ceará/Brasil
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.3: Acabar com as doenças tropicais negligenciadas e combater as doenças transmissíveis Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde / Síndrome de Imunodeficiência Adquirida / Pessoal de Saúde / Sexualidade / 36397 Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Cad. saúde colet., (Rio J.) Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Ceará/Brasil
...