Your browser doesn't support javascript.
loading
Padrão de atividade física entre gestantes atendidas pela estratégia saúde da família de Campina Grande - PB / Physical activity patterns in pregnant women attending the family health program of Campina Grande - PB
Tavares, Jousilene de Sales; Melo, Adriana Suely de Oliveira; Amorim, Melania Maria Ramos de; Barros, Vivianne Oliveira; Takito, Mônica Yuri; Benício, Maria Helena D'Aquino; Cardoso, Maria Aparecida Alves.
Afiliação
  • Tavares, Jousilene de Sales; Universidade Estadual da Paraíba. Núcleo de Estudos e Pesquisas Epidemiológicas. Brasil
  • Melo, Adriana Suely de Oliveira; Universidade Estadual da Paraíba. Núcleo de Estudos e Pesquisas Epidemiológicas. Brasil
  • Amorim, Melania Maria Ramos de; Instituto Materno Infantil Professor Fernando Figueira. Brasil
  • Barros, Vivianne Oliveira; Universidade Estadual da Paraíba. Núcleo de Estudos e Pesquisas Epidemiológicas. Brasil
  • Takito, Mônica Yuri; Universidade de São Paulo. Brasil
  • Benício, Maria Helena D'Aquino; Universidade de São Paulo. Brasil
  • Cardoso, Maria Aparecida Alves; Universidade Estadual da Paraíba. Núcleo de Estudos e Pesquisas Epidemiológicas. Brasil
Rev. bras. epidemiol ; 12(1): 10-19, mar. 2009. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-60375
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT

INTRODUÇÃO:

A atividade física realizada durante a gestação vem sendo discutida devido aos seus efeitos benéficos tanto para a saúde materna como para o crescimento fetal e desfechos gestacionais, porém ainda são escassos estudos sobre o padrão de atividade física neste período.

OBJETIVO:

Avaliar o padrão de atividade física entre gestantes atendidas pela estratégia Saúde da Família (ESF) do município de Campina Grande/PB.

MÉTODOS:

Foi acompanhada uma coorte observacional de gestantes (n=118), a partir da 16ª semana gestacional, durante os anos de 2005 a 2006. A cada quatro semanas eram aferidas as condições clínicas, socioeconômicas e obstétricas, incluindo a aplicação de um questionário específico sobre atividade física na 16ª, 24ª e 32ª semanas gestacionais. A avaliação foi feita a partir da somatória do equivalente metabólico (METs) e as atividades cotidianas foram divididas em quatro grupos atividades laboral, doméstica e caminhada, além de inatividade. As gestantes foram classificadas de acordo com o padrão de atividade física realizado em sedentárias, praticantes de atividades física leve, moderada e vigorosa. Os dados foram analisados no programa Epi Info 3.4.1.

RESULTADOS:

As características socioeconômicas da coorte estudada indicaram majoritariamente gestantes de baixo poder aquisitivo, baixa escolaridade e baixo percentual de mulheres economicamente ativas. O padrão de atividade física observado foi baixo desde o primeiro trimestre gestacional, oscilando entre o leve e o sedentário, e foi diminuindo com o evoluir da gravidez, com 100 por cento das gestantes alcançando o padrão sedentário na 32ª semana. Em relação aos grupos de atividades, observou-se um predomínio de atividades domésticas, seguidas pelas atividades de lazer.

CONCLUSÃO:

Na coorte estudada verificou-se um padrão de atividade física inadequado desde o início da gestação, agravando-se no terceiro trimestre gestacional.(AU)
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Gravidez / Saúde da Família / 36397 / Atividade Motora Limite: Feminino / Humanos / Gravidez Idioma: Português Revista: Rev. bras. epidemiol Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Instituto Materno Infantil Professor Fernando Figueira/Brasil / Universidade Estadual da Paraíba/Brasil / Universidade de São Paulo/Brasil
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Gravidez / Saúde da Família / 36397 / Atividade Motora Limite: Feminino / Humanos / Gravidez Idioma: Português Revista: Rev. bras. epidemiol Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Instituto Materno Infantil Professor Fernando Figueira/Brasil / Universidade Estadual da Paraíba/Brasil / Universidade de São Paulo/Brasil
...