Your browser doesn't support javascript.
loading
Riscos à saúde em áreas contaminadas: contribuições da teoria social / Health risk in contaminated area: social theoretical contributions
Araujo, Joyce Maria de; Günther, Wanda Maria Risso.
Afiliação
  • Araujo, Joyce Maria de; Faculdades Oswaldo Cruz. São Paulo. Brasil
  • Günther, Wanda Maria Risso; Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. São Paulo. Brasil
Saúde Soc ; 18(2): 312-324, abr.-jun. 2009.
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-60633
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT
Este artigo versa sobre contribuições da teoria social a um estudo sobre o risco à saúde humana e ao ambiente, desenvolvido entre 2003 e 2005 em área urbana contaminada, localizada no bairro Vila Carioca, no sudeste do município de São Paulo, Brasil. Resíduos perigosos provenientes de processo produtivo do setor químico, dispostos inadequadamente na localidade ao longo do tempo, resultaram em contaminação ambiental, cujos efeitos representam riscos à saúde da população local. A investigação foi realizada com o objetivo de identificar interpretações sociais sobre o conceito de situação de risco, condizentes com concepções incorporadoras da dimensão social do risco e voltadas à melhoria das condições de saúde ambiental. Utilizou-se metodologia qualitativa de pesquisa, alicerçada na teoria social, e instrumentos variados de coleta de dados. Os resultados apontaram interpretações sociais diferenciadas sobre o conceito de situação de risco, sugerindo diversidade de concepções entre a população pesquisada a respeito dos problemas ambientais e de saúde que os atingiam. Neste artigo, apresentam-se fundamentos do enfoque do risco, na teoria social e na obra de Ulrick Beck sobre sociedade de risco, a fim de conferir suporte teórico à interpretação dos dados coletados em campo. Tais contribuições da teoria social, em contraponto com abordagens multidisciplinares e ecossistêmicas em saúde e ambiente, são discutidas como forma de incorporar a diversidade de interpretações sociais expressadas pela população, no sentido de favorecer a inter-relação entre portadores de risco e decisões políticas locais sobre a questão do risco, ampliar o escopo dos fenômenos observados e propiciar a busca de melhores condições de saúde dos indivíduos e da qualidade do seu ambiente.(AU)
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.9: Reduzir o número de mortes por produtos químicos perigosos e contaminação do ar e água do solo Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Saúde Ambiental / Risco à Saúde Humana / Resíduos Químicos / Poluição Ambiental Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Saúde Soc Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Faculdades Oswaldo Cruz/Brasil / Universidade de São Paulo/Brasil
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.9: Reduzir o número de mortes por produtos químicos perigosos e contaminação do ar e água do solo Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Saúde Ambiental / Risco à Saúde Humana / Resíduos Químicos / Poluição Ambiental Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Saúde Soc Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Faculdades Oswaldo Cruz/Brasil / Universidade de São Paulo/Brasil
...