Your browser doesn't support javascript.
loading
Avaliação da qualidade de vida de profissionais de saúde em Campinas / Assessment of healthcare professionals life quality in Campinas
Souza, Marcela Astolphi de; Stancato, Kátia.
Afiliação
  • Souza, Marcela Astolphi de; Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Ciências Médicas. Departamento de Enfermagem. Campinas. Brasil
  • Stancato, Kátia; Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Ciências Médicas. Departamento de Enfermagem. Campinas. Brasil
Rev. adm. saúde ; 12(49): 154-162, out.-dez. 2010. tab
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-64082
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT

Objetivo:

avaliar a qualidade de vida dos profissionais de saúde do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) nas dimensões sociais, psicológicas, físicas e ambientais; e comparar os escores segundo as características demográficas e clínicas.

Método:

estudo de corte transversal com 116 profissionais da saúde, com idade superior a 18 anos, trabalhando nos plantões matutino e vespertino, em regime de contrato formal, os quais foram informados sobre a pesquisa e seus aspectos éticos, além da aplicação do questionário ôThe World Health Organization Quality of Life (WHOQL)ö. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética da Faculdade de Ciências Medicas da Unicamp sob parecer número 524/2008.

Resultados:

a idade média foi de 35,0 anos. Houve predomínio do sexo feminino (78,8 por cento). A profissão prevalente foi de técnicos de enfermagem (51,4 por cento). Desses, 44,8 por cento eram casados. Em relação à saúde, 80,0 por cento classificaram-na como boa. A ausência de problemas de saúde atual foi de 62,9 por cento. As médias dos domínios do WHOQOL-bref foram domínio físico, 68,1 (DP=12,9); domínio psicológico, 63,7 (DP=12,8). Os domínios ambiental e relações sociais obtiveram 55,2 (DP=11,4) e 59,6 (DP=17,2), respectivamente.

Conclusão:

apenas na categoria estado de saúde atual houve diferença estatística que ocorreu somente no domínio físico. O uso do questionário pode ser uma forma eficaz de acompanhar e detectar alterações na qualidade de vida dos profissionais de saúde(AU)
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.8 Atingir a cobertura universal de saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Qualidade de Vida / Pessoal de Saúde / Assistência Hospitalar Tipo de estudo: Estudo de avaliação / Estudo observacional / Estudo de prevalência Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Rev. adm. saúde Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual de Campinas/Brasil
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.8 Atingir a cobertura universal de saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Qualidade de Vida / Pessoal de Saúde / Assistência Hospitalar Tipo de estudo: Estudo de avaliação / Estudo observacional / Estudo de prevalência Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Rev. adm. saúde Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual de Campinas/Brasil
...