Your browser doesn't support javascript.
loading
Mecanismos de participação e atores sociais em hospitais: o caso do Grupo Hospitalar Conceição-RS / Social actors and participatory mechanisms in hospitals: the case of Grupo Hospitalar Conceição-RS
Possa, Lisiane Bôer; Cortes, Soraya Maria Vargas.
Afiliação
  • Possa, Lisiane Bôer; Grupo Hospitalar Conceição. Porto Alegre. Brasil
  • Cortes, Soraya Maria Vargas; Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Programa de Pós-Graduação. Porto Alegre. Brasil
Saúde Soc ; 21(supl.1): 59-70, maio 2012.
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-65321
Biblioteca responsável: BR1.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT
O artigo tem como objetivo compreender o surgimento de mecanismos de participação em organizações hospitalares. Mais especificamente, procura identificar o papel e o impacto destes nas relações entre os atores no interior do hospital e em seu envolvimento com essa organização. A estratégia metodológica utilizada foi a de estudo de caso. O campo empírico foi o Grupo Hospitalar Conceição, em Porto Alegre/RS. Através da pesquisa, pôde-se observar que os fóruns de participação existentes no hospital desempenham múltiplas funções, todas direcionadas para a inclusão dos usuários e trabalhadores de saúde na organização. Constituem-se como espaço para apresentação dos interesses, demandas e negociação de consensos. Abrem a agenda da Direção para temas relevantes para os atores participantes. Possibilitam tornar público o debate das questões polêmicas. Favorecem a construção de alianças entre os atores e a construção de apoio político para o enfrentamento de questões em disputa. Contribuem para a aprendizagem dos atores, a diminuição das assimetrias entre eles e a socialização das informações sobre o hospital. A existência de fóruns de participação contribuiu para alterar o envolvimento dos atores com o hospital e as relações entre eles. Pôde-se perceber que a criação de dispositivos de participação no hospital propiciou aos atores tradicionalmente excluídos e com menores recursos de poder, ou seja, usuários e trabalhadores de saúde, tanto maior envolvimento quanto relações mais horizontais com os demais atores. Ao mesmo tempo, diminuiu a intervenção dos médicos na organização com o fortalecimento da administração em aliança com esses outros atores.(AU)
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Participação da Comunidade / Gestão em Saúde / Administração Hospitalar Idioma: Português Revista: Saúde Soc Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Grupo Hospitalar Conceição/Brasil / Universidade Federal do Rio Grande do Sul/Brasil

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Participação da Comunidade / Gestão em Saúde / Administração Hospitalar Idioma: Português Revista: Saúde Soc Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Grupo Hospitalar Conceição/Brasil / Universidade Federal do Rio Grande do Sul/Brasil
...