Your browser doesn't support javascript.
loading
Avaliação da qualidade de vida em adolescentes vivendo com HIV/Aids acompanhados em um centro de referência do Município de São Paulo / Quality of life Assessment in adolescents living with HIV / Aids followed up in a referral Center in Sao Paulo
São Paulo; s.n; 2013. 52 p.
Tese em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-65909
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1; MTR, 1990. 54581/2013
ABSTRACT

INTRODUÇÃO:

com o desenvolvimento de novas terapias antirretrovirais houve um aumento da sobrevida de crianças/adolescentes infectados pelo HIV e é relevante a avaliação dos efeitos da doença e do impacto do tratamento nos aspectos físico, psicológico e social.

OBJETIVOS:

avaliar a qualidade de vida em adolescentes vivendo com HIV/Aids e sua correlação com fatores sócio-demográficos e clínicos.

MÉTODOS:

Trata-se de um estudo transversal aninhado a uma coorte de pacientes com HIV/Aids em acompanhamento na Unidade de infectologia do Instituto da Criança (ICr-SãoPaulo). Foram avaliados 61 adolescentes com HIV/Aids (idade 1218 anos). Informações sobre o histórico da doença e uso de medicamentos foram obtidas a partir de prontuários médicos. Os dados de qualidade de vida foram coletados por meio do questionário de Avaliação da Qualidade de Vida - Quality of Life Assessment, na sua versão para adolescente de 12 a 20 anos de idade. A consistência interna dos questionários foi verificada pelo cálculo do coeficiente a de Cronbach. Foram utilizados os testes de Mann Whitney e de Kruskal-Wallis na comparação dos escores dos domínios de qualidade de vida e variáveis sociodemográficas e clínicas e calculado o coeficiente de correlação de Spearman.

RESULTADOS:

Na avaliação da qualidade de vida, as medianas foram altas em todos os domínios (70 a 98) e na análise da correlação entre os domínios, observou-se que todos estiveram correlacionados com o domínio dos Sinais e Sintomas. Não houve diferença estatisticamente significativa ao se compararem as médias dos escores dos diferentes domínios e as características sociodemográficas, clínicas e de tratamento.

CONCLUSÃO:

Verificou-se que o grupo de adolescentes avaliados apresentou bons escores de qualidade de vida o que ressalta a importância do acompanhamento destes pacientes em um instituto de referência, o qual disponibiliza um atendimento multidisciplinar
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Qualidade de Vida / Síndrome de Imunodeficiência Adquirida / HIV Tipo de estudo: Estudo observacional / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Áudio / Tese
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Qualidade de Vida / Síndrome de Imunodeficiência Adquirida / HIV Tipo de estudo: Estudo observacional / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Áudio / Tese
...