Your browser doesn't support javascript.
loading
Práticas de grupo na educação nutricional na atenção primária: uma comparação entre São Paulo e Bogotá / Group Practices in Nutrition Education in Primary Care a comparison between Sao Paulo and Bogotá
São Paulo; s.n; 2013. 73 p.
Tese em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-66122
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1; MTR, 2005. 54681/2013. CM
ABSTRACT

Introdução:

Brasil e Colômbia têm investido na Atenção Primária à Saúde (APS) por meio do fortalecimento das ações educativas. Aponta-se a Educação Nutricional (EN) como uma estratégia de ação baseada em um processo de aprendizagem constante e dinâmico, que contribui para a formação de indivíduos autônomos, sendo os grupos uma ferramenta de trabalho. Entretanto, devido à falta de respaldo metodológico, verificou-se a importância de conhecer e analisar os grupos de EN, entre as duas maiores cidades destes países. Além disso, pretende-se explorar possíveis estratégias para a prática.

Objetivo:

Analisar as práticas e as teorias educativas utilizadas nos grupos de alimentação e nutrição, na Atenção Primária à Saúde, em São Paulo (Brasil) e Bogotá (Colômbia).

Métodos:

Estudo descritivo comparativo com abordagem qualitativa, realizado com nutricionistas da APS, constituído por cinco momentos identificação dos nutricionistas, aplicação do questionário online, entrevista semiestruturada, elaboração da comparação e reflexão sobre possíveis estratégias. Aplicou-se a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo para a análise das percepções sobre a EN. Para a comparação, segmentaram-se os dados por cidade e a contextualizou-se os achados na ótica da EN, grupo e APS.

Resultados:

Verificou-se semelhança no perfil dos entrevistados, entre São Paulo e Bogotá, porém com diferença na formação e na autonomia de trabalho. Obtiveram-se 17 Ideias Centrais da EN, classificadas em seis eixos temáticos. Observou-se que os eixos associam-se com as características grupais, que por sua vez, possuem diferenças relacionadas aos programas. Constatou-se que teoria e prática da EN estão em transição da abordagem tradicional para outra mais humanista. Entretanto, em uma velocidade lenta comparada às políticas e necessidades de saúde. Por meio da reflexão sobre estratégias para os grupos de EN, recomenda-se como metodologia de trabalho, especialmente para São Paulo, a articulação dos conceitos de Grupo Operativo, Problematização e Planejamento, dado que enfocam o aprendizado, a transformação e a autonomia. Considerações Identificou-se que São Paulo e Bogotá, possuem uma herança conceitual das ações educativas, associada a sequelas políticas, como ausência de teoria e metodologias educacionais na construção da APS. Apresenta-se uma necessidade de investimento político e de gestão na formação dos profissionais de saúde que estão educando a população
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Atenção Primária à Saúde / Educação Alimentar e Nutricional / Processos Grupais Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa Limite: Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Brasil / Colômbia Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Tese
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Atenção Primária à Saúde / Educação Alimentar e Nutricional / Processos Grupais Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa Limite: Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Brasil / Colômbia Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Tese
...