Your browser doesn't support javascript.
loading
Sorrisos em trânsito: modos de levar a vida e praticar cuidado com o corpo e com a saúde de refugiados exilados no município de São Paulo / Smiles in transit reports in day by day the process of ilness and health care practices of refugee and asylum requesters in the city os São Paulo
São Paulo; s.n; 2013. 94 p.
Tese em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-66268
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1; MTR, 2030. 54818/2013. CM
ABSTRACT
Introdução û As pessoas podem migrar por diversos motivos, mas mudanças no meio físico, conflitos bélicos e violação dos direitos humanos levam a uma migração involuntária o Refúgio, que significa procurar proteção à vida. Estudar as relações de saúde nas sociedades que acolhem pessoas refugiadas, bem como a saúde mesma dessa população, faz-se relevante e pertinente. Em São Paulo, o Serviço Social do Comércio (SESC), a Associação Cáritas Arquidiocesana de São Paulo (CASP) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) têm parceria em um projeto para proteção de refugiados. Entre outros serviços, essa parceria viabiliza o atendimento odontológico de refugiados nas unidades do SESC. Objetivo - Buscou identificar de que maneira, no cotidiano, os refugiados exilados no município de São Paulo demonstram e relatam suas práticas de cuidado com seus corpos e sua saúde. Metodologia û Abordagem qualitativa, realizada no curso de língua portuguesa para refugiados no SESC, com observações, entrevistas e exame da cavidade bucal. Para análise dos dados utilizou-se a perspectiva do cotidiano através de análise do conteúdo temático dos dados. Resultados û 11 refugiados compuseram a amostra 4 do Congo, 2 da Nigéria, 1 da Guiné Conacri, Senegal, Togo, Líbia e Síria. Quanto ao seu cotidiano, alguns colocaram dificuldades e outros, facilidades na retomada da rotina. Dentro de temas surgiram as categorias saúde e doença e seus significados; percepção de saúde-doença; práticas de cuidados com o corpo e com a saúde; práticas de cuidados com a boca. No exame odontológico ocorreu baixa prevalência de cárie e a presença de gengivite em todos os sujeitos. Conclusões û Ao identificar os relatos e as atitudes dos solicitantes de refúgio no processo saúde-doença e cuidados com o corpo, nos aproximamos das realidades desses sujeitos, apreendendo a tratar e atender suas demandas por saúde à luz do seu cotidiano e das suas diversidades culturais
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: Agenda de Saúde Sustentável para as Américas Tema em saúde: Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Refugiados / Processo Saúde-Doença / Saúde Bucal / Saúde Pública / Atenção à Saúde / Migração Humana / Serviços de Saúde / Direitos Humanos Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa Limite: Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Tese
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Contexto em Saúde: Agenda de Saúde Sustentável para as Américas Tema em saúde: Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Refugiados / Processo Saúde-Doença / Saúde Bucal / Saúde Pública / Atenção à Saúde / Migração Humana / Serviços de Saúde / Direitos Humanos Tipo de estudo: Pesquisa qualitativa Limite: Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Tese
...