Your browser doesn't support javascript.
loading
Os consórcios intermunicipais no SUS. Parceria e cooperação técnica / The SUS intermunicipality partnerships. Association and technical cooperation
Espaç. saúde ; 3(3): 41-2, maio 1994. ilus
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-9675
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT
Conhecidas como consórcios de saúde, estas modalidades de parceria intergestores tem se mostrado como saídas para municípios, especialmente os de pequeno porte, para enfrentarem problemas crônicos como a falta de recursos diagnósticos e de atendimentos especializados. A grosso modo, os consórcios se estruturam com base em uma instância deliberativa máxima, o Conselho de Prefeitos, e incorporam representantes de Conselhos Municipais de Saúde em um Conselho Fiscal ou Curador. Todos recorrem a uma instância executora plano técnico, uma Secretaria Executiva (ou congênere) com nomeação pelo Conselho de Prefeitos, e que concentra também as funções de controle e avaliação. As atividades de controle e avaliação, comumente entendidas como objeto dos Conselhos de Saúde, são normalmente efetuadas por estas instâncias no nível do próprio município, mas nota-se uma tendência a que sejam formados Conselhos Intermunicipais de Saúde, para exercer mais plenamente o controle social sobre a política de saúde da região (AU)
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Sistemas Locais de Saúde País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Espaç. saúde Ano de publicação: 1994 Tipo de documento: Artigo
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Sistemas Locais de Saúde País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Espaç. saúde Ano de publicação: 1994 Tipo de documento: Artigo
...