Your browser doesn't support javascript.
Fall risk assessment and sarcopenia in the elderly with chronic obstructive pulmonary disease treated at a Belém university hospital, Pará State, Brazil/Avaliação do risco de quedas e sarcopenia em idosos com doença pulmonar obstrutiva crônica atendidos em um hospital universitário de Belém, Estado do Pará, Brasil
Rev Pan-Amaz Saude ; 7(4): 41-45, 2016. tab
Artigo em Português | IEC | ID: iec-16200
Biblioteca responsável: BR275.1
Localização: BR275.1
RESUMO

OBJETIVO:

Este estudo objetivou avaliar o risco de queda e a sarcopenia em idosos diagnosticados com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) atendidos no programa de reabilitação pulmonar do Hospital Universitário João de Barros Barreto em Belém, Estado do Pará, Brasil.

MATERIAIS E MÉTODOS:

Trata-se de um estudo observacional descritivo com pacientes idosos com DPOC (classificação GOLD III e IV) atendidos em nível ambulatorial. Para avaliação, foram verificadas características sociodemográficas básicas, utilizou-se a escala de Tinetti para classificação quanto ao risco de quedas e a circunferência da panturrilha foi utilizada como preditora de sarcopenia.

RESULTADOS:

Foram avaliados 24 idosos, sendo em sua maioria homens, com faixa etária prevalente de 60 a 67 anos. Quanto ao risco de quedas, 21 (87,5%) pacientes possuíam baixo risco. Em relação à sarcopenia, seis (25%) pacientes apresentaram esse indicativo e 18 (75%) não o apresentaram.

CONCLUSÃO:

Na literatura, a DPOC tem sido associada ao alto risco de quedas, no entanto, neste estudo, foi visto um resultado diferente. A frequência de risco de quedas foi baixa e a sarcopenia foi considerada importante, todavia é possível que métodos com maior acurácia, que avaliem a distribuição de massa magra por segmento corporal e com análise de um maior número de pacientes, possam melhor verificar essa prevalência em idosos com DPOC
ABSTRACT

OBJECTIVE:

The aim of this study was to evaluate the risk of falls and sarcopenia in elderly people diagnosed with chronic obstructive pulmonary disease (COPD) treated by the pulmonary rehabilitation of the Hospital Universitário João de Barros Barreto in Belém, Pará State, Brazil.

MATERIAL AND METHODS:

It is an observational descriptive study with elderly patients with COPD (classified in GOLD 3 and 4) treated in outpatient care. For the evaluation, basic sociodemographic features were checked, it was used the Tinetti test to classify the risk of falls and calf circumference was used as a predictor of sarcopenia.

RESULTS:

A total of 24 elderly people were evaluate, mostly men with prevalent age group 60-67 years old. About the risk of falls, 21 (87.5%) patients had low risk. According to the indicative of sarcopenia, six (25%) patients presented this indicative and 18 (75%) did not present it.

CONCLUSION:

In the literature, COPD has been related to high risk of falls, however, in this study, a different result was found. The frequency of risk of falls was low and sarcopenia was considered relevant, but it is possible that more precise methods, which evaluate lean mass distribution of each body segment and analysis of a greater number of patients, can check this prevalence more appropriately in older adults with COPD
RESUMEN

OBJETIVO:

Este estudio tuvo como objetivo evaluar el riesgo de caídas y la sarcopenia en ancianos diagnosticados con enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC), atendidos en el programa de rehabilitación pulmonar del Hospital Universitario João de Barros Barreto en Belém, Estado de Pará, Brasil.

MATERIALES Y MÉTODOS:

Se trata de un estudio observacional descriptivo en pacientes ancianos con EPOC (clasificación GOLD III y IV) atendidos en ambulatorio. Para la evaluación se verificaron las características sociodemográficas básicas, se utilizó la escala de Tinetti para clasificación con relación al riesgo de caídas y la circunferencia de la pantorrilla fue usada como predictora de sarcopenia.

RESULTADOS:

Se evaluaron 24 ancianos, en su mayoría hombres, con edad prevalente entre 60 y 67 años. Con relación al riesgo de caídas, 21 (87,5%) pacientes tuvieron riesgo bajo. En relación al indicativo de sarcopenia, seis (25%) pacientes presentaron este indicativo y 18 (75%) pacientes no lo presentaron.

CONCLUSIÓN:

En la literatura, la EPOC ha sido asociada al alto riesgo de caídas, sin embargo en este estudio se ha visto un resultado distinto. La frecuencia de riesgo de caídas fue baja y la sarcopenia se consideró importante, aunque es posible que métodos con mayor precisión, que evalúen la distribución de la masa magra por segmento corporal y un análisis de un número más elevado de pacientes, puedan comprobar esta prevalencia en ancianos con EPOC
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais Base de dados: IEC Assunto principal: Ambulatório Hospitalar / Fatores Socioeconômicos / Acidentes por Quedas / Risco / Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica / Sarcopenia / Estudo Observacional Aspecto clínico: Etiologia / Predição País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev Pan-Amaz Saude Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Pará/BR / Universidade Federal do Pará-UFPA/BR