Your browser doesn't support javascript.
loading
Incontinência urinária em pacientes com mais de 60 anos: avaliaçäo da necessidade da realizaçäo de propedêutica diagnóstica específica / Urinary incontinence in patients over 60 years old: evaluation of specific diagnostic procedure necessity
Abräo, Lúcia Jamille; Geo, Márcia Salvador; Lima, Rache, Silviano Brandäo Corrêa; Duarte, Patricia Antonini; Cota, Ana Márcia De Miranda; Menezes, Alexandre Carvalho De.
Afiliação
  • Abräo, Lúcia Jamille; Hospital Mater Dei. BR
  • Geo, Márcia Salvador; Hospital Mater Dei. BR
  • Lima, Rache, Silviano Brandäo Corrêa; Hospital Mater Dei. BR
  • Duarte, Patricia Antonini; Hospital Mater Dei. BR
  • Cota, Ana Márcia De Miranda; Hospital Mater Dei. BR
  • Menezes, Alexandre Carvalho De; Hospital Mater Dei. BR
Reprod. clim ; 16(3): 179-183, jul.-set. 2001. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-303734
Biblioteca responsável: BR33.1
RESUMO
Avaliar as causas da incontinência urinária em pacientes acima de 60 anos e estudar a necessidade de realizaçäo de propedêutica urinária nestas pacientes. De um total de 2633 urodinâmicas realizadas no período de janeiro de 1991 a março de 2000 dentro dos padröes da Sociedade Internacional de Continência (ICS), selecionamos 397 (15 por cento) exames de pacientes com queixa de incontinência urinária e idade superior a 60 anos. A partir da anamnese detalhada, exame uroginecológico, neurológico superficial, um diagnóstico clínico foi estabelecido e comparado ao diagnóstico urodinâmico obtido posteriormente. A média de idade foi 68 anos. Freqüência de diagnósticos urodinâmicos obtidos Hiperatividade do detrusor=51 por cento (n=202); Incontinência Urinária de Esforço Genuína=21 por cento (n=84); Incontinência Urinária Mista=20 por cento (n=77); Normal=7,5 por cento (n=30). Das pacientes com diagnóstico de hiperatividade do detrusor, 167 (83 por cento) apresentaram instabilidade vesical, 35 (17 por cento) apresentaram hiperreflexia do detrusor e 2 (0,5 por cento) apresentaram urgência sensorial. O acerto entre diagnóstico clínico e urodinâmico foi de 58,4 por cento (n=232). O diagnóstico urodinâmico mais freqüentemente encontrado no grupo de pacientes estudado foi a hiperatividade do detrusor. Após avaliaçäo detalhada, o acerto no diagnóstico clínico da causa de incontinência urinária situa-se em torno de 41 a 72 por cento. Os autores consideram importante o erro diagnóstico encontrado, principalmente nessa faixa etária que possui alta incidência de cirurgias anteriores sobre o colo vesical e freqüente associaçäo com doenças neurológicas. O estudo urodinâmico dever ser realizado sempre que possível, exceto nos casos de incapacidade física, porque o tratamento adequado é diferente de acordo com a causa específica de incontinência urinária.
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Incontinência Urinária / Incontinência Urinária por Estresse / Urodinâmica / Idoso / Educação de Pacientes como Assunto Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Reprod. clim Assunto da revista: REPRODUCAO Ano de publicação: 2001 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Hospital Mater Dei/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Incontinência Urinária / Incontinência Urinária por Estresse / Urodinâmica / Idoso / Educação de Pacientes como Assunto Limite: Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Reprod. clim Assunto da revista: REPRODUCAO Ano de publicação: 2001 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Hospital Mater Dei/BR
...