Your browser doesn't support javascript.
loading
A influência do azul de metileno na prevenção da lesão pulmonar após isquemia-reperfusão intestinal / The role of the methylene blue as a lung protector after intestinal ischemia and reperfusion
Greca, Fernando Hintz; Gonçalves, Neuza Maria Ferraz de Mello; Souza Filho, Zacarias Alves de; Silva, Antônio Pádua Gomes da; Mima, Wilson Hiroshi; Mima, Humberto Hideki.
Afiliação
  • Greca, Fernando Hintz; Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Disciplina de Técnica Operatória e Cirurgia Experimental. BR
  • Gonçalves, Neuza Maria Ferraz de Mello; Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Disciplina de Bioquímica. BR
  • Souza Filho, Zacarias Alves de; Universidade Federal do Paraná. Disciplina de Cirurgia Geral. BR
  • Silva, Antônio Pádua Gomes da; Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Disciplina de Patologia. BR
  • Mima, Wilson Hiroshi; Universidade Federal do Paraná. BR
  • Mima, Humberto Hideki; Pontifícia Universidade Católica do Paraná. BR
Acta cir. bras ; 19(4): 373-379, July-Aug. 2004. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-363445
Biblioteca responsável: BR1.2
RESUMO

OBJETIVO:

Estudar a ação do azul de metileno como supressor da produção de radicais livres de oxigênio, atuando como receptor alternativo de elétrons na enzima xantina oxidase.

MÉTODOS:

Foram utilizados 32 ratos Wistar (Rattus norvegicus albinus, Rodentia mammalia) divididos em 2 grupos de 16 animais, os quais foram denominados grupos experimento e controle. Ambos os grupos foram submetidos a laparotomia mediana e oclusão da artéria mesentérica cranial por 60 minutos. A reperfusão foi confirmada por meio da verificação do reaparecimento da pulsação na arcada mesentérica. Foi então administrado no grupo experimento 2 ml de azul de metileno 1 por cento estéril intraperitonealmente, enquanto que no grupo controle foi administrado solução salina isotônica estéril em mesmo volume e pela mesma via de administração. Após 4 horas de reperfusão, os animais foram sacrificados. Amostras dos pulmões foram obtidas para análise histopatológica, avaliação do edema e para determinação da atividade da xantina oxidase.

RESULTADOS:

O dano pulmonar encontrado no grupo controle foi superior ao encontrado no grupo experimento. Observou-se uma maior formação de edema nos pulmões do grupo controle. A atividade da xantina oxidase foi semelhante em ambos os grupos.

CONCLUSAO:

O azul de metileno diminui a lesão pulmonar após isquemia-reperfusão intestinal.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Traumatismo por Reperfusão / Pulmão / Azul de Metileno Limite: Animais Idioma: Português Revista: Acta cir. bras Assunto da revista: CIRURGIA GERAL Ano de publicação: 2004 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Pontifícia Universidade Católica do Paraná/BR / Universidade Federal do Paraná/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Traumatismo por Reperfusão / Pulmão / Azul de Metileno Limite: Animais Idioma: Português Revista: Acta cir. bras Assunto da revista: CIRURGIA GERAL Ano de publicação: 2004 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Pontifícia Universidade Católica do Paraná/BR / Universidade Federal do Paraná/BR
...