Your browser doesn't support javascript.
loading
Validade de construção e sensibilidade da escala de auto-estima Rosemberg/UNIFESP-EPM em lipoaspiração / Responsiveness and construct validity of the brasilian version of Rosemberg's self-esteem scale
São Paulo; s.n; 2004. [192] p.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-419296
Biblioteca responsável: BR1.2
Localização: BR1.2; 8569
RESUMO

Introdução:

Sentimentos conscientes e inconscientes sobre o corpo possuem uma importante força psicológica. A cirurgia plástica pode alterar a aparência de seus pacientes e, deste modo, alterar não só o contorno corporal como a auto-imagem e auto-estima. Com a evolução das ciências ligadas à área da saúde, surgem cada vez mais opções de tratamentos. Nos últimos anos, questionários de medida de qualidade de vida vêm sendo largamente utilizados numa escala mundial, incluindo estudos internacionais multicêntricos. A escala de Rosenberg é um instrumento desenvolvido nos Estados Unidos da América para avaliar um aspecto da qualidade de vida, que é a auto-estima. Esse aspecto, por estar associado à auto-imagem. parece ser uma medida interessante para avaliar resultado em cirurgia plástica. Para compararmos dados obtidos em estudos semelhantes realizados em populações cultural e lingüisticamente distintas, é necessária a padronização dos processos de tradução, adaptação cultural e o teste de suas propriedades de medida (validade, reprodutibilidade e sensibilidade). Esse rigor metodológico assegura a uniformidade dos dados obtidos.

Objetivos:

Este trabalho tem como objetivo testar a validade de construção e a sensibilidade "responsividade" da Escala de auto-estima Rosenberg UNIFESP/EPM em pacientes submetidos à lipoaspiração. Material e

Métodos:

Foram operados 54 pacientes de ambos os sexos, com idade média de 28 anos. Estes apresentavam aumento do tecido adiposo no abdome [paciente tipo I (Pitanguy 2000)], associado ou não a depósitos localizados em outras regiões e manifestaram desejo da melhora estética do contorno corporal. Foram aplicados 3 questionários de avaliação de qualidade de vida (Rosenberg - UNIFESP-EPM, Short Form-36, SRQ-20) antes e 6 meses após o procedimento cirúrgico.

Resultados:

Verifica-se que a lipoaspiração melhorou as médias das seguintes dimensões do questionário genérico de qualidade de vida Short Form-36 Aspectos emocionais. Aspectos sociais, Saúde mental, Vitalidade, Capacidade funcional, Aspectos físicos e Estado geral de saúde. Houve diminuição das médias para os instrumentos Escala de Auto-estima Rosenberg - UNIFESP-EPM e SRQ-20. Sendo estas escalas inversas, apontou-se a melhora na qualidade de vida destes pacientes...
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Testes Psicológicos / Qualidade de Vida / Autoimagem / Cirurgia Plástica / Inquéritos e Questionários País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Ano de publicação: 2004 Tipo de documento: Tese

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Testes Psicológicos / Qualidade de Vida / Autoimagem / Cirurgia Plástica / Inquéritos e Questionários País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Ano de publicação: 2004 Tipo de documento: Tese
...