Your browser doesn't support javascript.
loading
Marcadores morfológicos de prognóstico no mesotelioma maligno: um estudo de 58 casos / Morphological aspects as prognostic factors in malignant mesothelioma: a study of 58 cases
Motta, Alexandre Bottrel; Pinheiro, Germânia; Antonângelo, Leila; Parra, Edwin Roger; Monteiro, Maria Margarida; Pereira, José Carlos Das Neves; Takagaki, Tereza; Terra Filho, Mario; Martins, Sandro; Capelozzi, Vera Luiza.
Afiliação
  • Motta, Alexandre Bottrel; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Patologia. São Paulo. BR
  • Pinheiro, Germânia; Universidade do Rio de Janeiro. Hospital Universitário Pedro Ernesto. Departamento de Doenças Ocupacionais. Rio de Janeiro. BR
  • Antonângelo, Leila; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Patologia. São Paulo. BR
  • Parra, Edwin Roger; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Patologia. São Paulo. BR
  • Monteiro, Maria Margarida; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Patologia. São Paulo. BR
  • Pereira, José Carlos Das Neves; Universidade de São Paulo. Hospital das Clínicas. Departamento de Cirurgia Torácica. São Paulo. BR
  • Takagaki, Tereza; Universidade de São Paulo. Hospital das Clínicas. Departamento de Cirurgia Torácica. Divisão de Doenças Respiratórias. São Paulo. BR
  • Terra Filho, Mario; Universidade de São Paulo. Hospital das Clínicas. Departamento de Cirurgia Torácica. Divisão de Doenças Respiratórias. São Paulo. BR
  • Martins, Sandro; Universidade de São Paulo. Hospital das Clínicas. Departamento de Cirurgia Torácica. Divisão de Doenças Respiratórias. São Paulo. BR
  • Capelozzi, Vera Luiza; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Patologia. São Paulo. BR
J. bras. pneumol ; 32(4): 322-332, jul.-ago. 2006. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-452328
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

OBJETIVO:

Diversos marcadores têm se mostrados promissórios como preditores do diagnóstico e prognóstico do mesotelioma maligno (MM).

MÉTODO:

Mediante estudo morfométrico e inmunomarcação de componentes estromais (calretinina, CEA, Leu-M1 e trombomodulina) e nucleares (p53 e Ki-67), avaliamos a sobrevida após o diagnóstico de 58 pacientes com tumores malignos de pleura.

RESULTADOS:

O padrão histológico típico do mesotelioma maligno foi encontrado em 50 casos e o padrão atípico em 8 casos. Imunohistoquimicamente foram confirmados 40 casos como sendo mesoteliomas, 11 como adenocarcimonas e 7 casos do padrão atípico não puderam ser classificados. A análise multivariavel do Cox demonstrou a coexistência de um maior fator de risco de morte (476.2), nos pacientes com idade avançada, subtipo histológico bifásico e componentes de expressão nuclear.

CONCLUSÃO:

A calretinina foi o marcador inmunohistoquímico (IHQ) mais útil para o diagnóstico do mesotelioma e o CEA para o de adenocarcinoma. A quantificação por IHQ da trombomodulina foi fundamental na diferenciação do mesotelioma quando este foi positivo tanto para calretinina e como para o CEA. A informação prognostica mais valiosa foi a fornecida pela análise rotineira histopatológica do tipo histológico tumoral. Um ponto importante, divisor natural, foi a idade com uma media de 55 anos e 30.5 por cento de componentes nucleares de marcação IHQ, separando os pacientes em dois grupos pacientes com uma sobrevivência curta contra pacientes com uma sobrevivência mais longa que a esperada. Assim, a análise histopatológica oferece uma arma poderosa e de elevado potencial para guiar no tratamento adjuvante de quimioterápicos após a retirada cirúrgica do mesotelioma.
ABSTRACT

OBJECTIVE:

Various markers have shown promise as diagnostic markers and prognostic predictors in malignant mesothelioma (MM).

METHODS:

Through morphometric and immunological studies of markers in stromal components (calretinin, CEA, Leu-M1 and thrombomodulin) and nuclear components (p53 and Ki-67), we evaluated post-diagnosis survival in 58 patients with MM.

RESULTS:

The histologic pattern of the MM was typical in 50 cases and atypical in 8. Through immunohistochemistry, we confirmed 40 cases of mesothelioma and 11 cases of adenocarcinoma, although we were unable to classify 7 of the 8 cases presenting atypical histologic patterns. Cox multivariate analysis revealed that the risk factor for death was higher (476.2) among patients of advanced age, presenting the biphasic subtype and testing positive for components expressed at the nuclear level.

CONCLUSION:

The most useful immunohistochemical markers were was calretinin (for mesothelioma) and CEA (for adenocarcinoma). Immunohistochemical quantification of thrombomodulin facilitated the diagnosis of mesothelioma in patients testing positive for both calretinin and CEA. The most useful prognostic information was that provided by the routine histopathological analysis of the tumor type. It is of note that the combination of a mean age of 55 years and 30.5 percent immunohistochemical markers in nuclear components created a natural dividing point between patients in which survival was shorter than expected and those in which it was longer than expected. Therefore, histopathological analysis offers a powerful weapon with great potential to inform decisions regarding the use of adjuvant chemotherapy after surgical excision of a mesothelioma.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Neoplasias Pleurais / Adenocarcinoma / Biomarcadores Tumorais / Mesotelioma Limite: Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: J. bras. pneumol Assunto da revista: Pneumologia Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo/BR / Universidade do Rio de Janeiro/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Neoplasias Pleurais / Adenocarcinoma / Biomarcadores Tumorais / Mesotelioma Limite: Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: J. bras. pneumol Assunto da revista: Pneumologia Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo/BR / Universidade do Rio de Janeiro/BR
...