Your browser doesn't support javascript.
loading
Influência dos exercícios físicos de baixa e alta intensidade sobre o limiar de hipernocicepção e outros parâmetros em ratos / Influence of low and high intensity physical exercise on hypernociception threshold and other parameters of rats
Lana, Ademir da Costa; Paulino, Célia Aparecida; Gonçalves, Ivair Donizeti.
Afiliação
  • Lana, Ademir da Costa; Universidade Bandeirante de São Paulo. Departamento de Pós-Graduação. Mestrado em Ciências da Reabilitação Neuromotora. São Paulo. BR
  • Paulino, Célia Aparecida; Universidade Bandeirante de São Paulo. Departamento de Pós-Graduação. Mestrado em Ciências da Reabilitação Neuromotora. São Paulo. BR
  • Gonçalves, Ivair Donizeti; Universidade Bandeirante de São Paulo. Departamento de Pós-Graduação. Mestrado em Ciências da Reabilitação Neuromotora. São Paulo. BR
Rev. bras. med. esporte ; 12(5): 248-254, set.-out. 2006. graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-453756
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
A prática de exercícios físicos é um hábito importante para manutenção do bem-estar físico e emocional de quem a adota com regularidade, podendo trazer grandes benefícios à saúde. Todavia, dependendo do seu tipo, intensidade, freqüência e duração, os exercícios também podem causar certos prejuízos para o organismo. Como benefício, é descrito o seu papel na função imune específica e não-específica e, nesta última, destaca-se o processo inflamatório. Assim, este trabalho teve como objetivo estudar os efeitos dos exercícios físicos de baixa e alta intensidade sobre a hipernocicepção, além de avaliar a massa corporal e o peso relativo de alguns órgãos de ratos. Para isso, foram utilizados ratos machos, adultos, da linhagem Wistar, os quais foram submetidos (grupo treinado) ou não (grupo não treinado) a exercícios em esteira ergométrica. A inflamação aguda foi induzida pela injeção de carragenina-0,5 por cento no coxim da pata posterior esquerda dos ratos e a nocicepção foi mensurada por meio do teste plantar antes e após 1, 2, 3, 4, 6, 8 e 24 horas. Ao final das avaliações os ratos foram submetidos a anestesia profunda, até a eutanásia, para coleta e pesagem das glândulas adrenais, coração, baço e rins e posterior estudo anatomopatológico destes tecidos. A análise estatística dos resultados mostrou aumento significante (P < 0,05) no limiar de hipernocicepção nos momentos H2, H3, H4 e H6 nos animais treinados em alta intensidade. Houve também redução (P < 0,05) na massa corporal, bem como hipertrofia das glândulas adrenais e coração e aumento dos rins nos ratos treinados em alta intensidade, além de hipertrofia das adrenais naqueles treinados em baixa intensidade. Não ocorreram alterações estatisticamente significantes nos demais parâmetros. Concluiu-se que os exercícios físicos em esteira ergométrica alteraram a nocicepção, a massa corporal e o peso relativo de alguns órgãos, porém, de modo dependente do protocolo de exercícios aplicado aos animais.
ABSTRACT
Physical exercise practice is an important habit to maintain the physical and emotional well-being of those who regularly adopt it, and can bring great benefits to health. However, depending on the type, intensity, frequency and duration of the exercises, they can also do a certain degree of harm to the organism. As a benefit, the role of physical exercise is described in the specific and non-specific immune function and, in the latter, the inflammatory process stands out. Therefore, the purpose of this study was to show the effects of low and high intensity physical exercises on hypernociception, and to evaluate the body mass and the relative weight of some organs in rats. For the study, male adult Wistar rats were used and submitted (trained group) or not submitted (non-trained group) to physical exercises on an ergometric treadmill. The acute inflammation was induced by an injection of carrageenin-0.5 percent into the plantar tissue of the left hind paw of each rat and the nociception was measured by the plantar test before and after 1, 2, 3, 4, 6, 8 and 24 hours. At the end of the evaluations, the rats were submitted to deep anesthesia until their euthanasia, to collect and weigh the adrenal glands, heart, spleen and kidneys, and to subsequent histopathological study of those tissues. The statistical analysis of the results showed a significant increase (P < 0.05) of the hypernoniception threshold in H2, H3, H4 and H6 moments in animals trained at high intensity. There was also a significant reduction (P < 0.05) in body mass besides hypertrophy of the adrenal glands and heart and an increase in the kidneys relative weight of the rats trained at high intensity, in addition to adrenal hypertrophy of the animals trained at low intensity. There were no statistically significant changes in the other parameters evaluated in this study. We concluded that physical exercises on a treadmill were capable of changing the nociception, body mass...
RESUMEN
La práctica de ejercicios físicos es un hábito importante para la manutención del bienestar físico y emocional de quien la adopta con regularidad, pudiendo traer grandes beneficios a la salud. A pesar de esto, dependiendo de su tipo, intensidad, frecuencia y duración, los ejercicios también pueden causar ciertos perjuicios al organismo. Como beneficio, se describe su papel en la función inmune específica y no específica y, en esta última, se destaca el proceso inflamatorio. Así, este trabajo ha tenido como objetivo estudiar los efectos de los ejercicios físicos de baja y alta intensidad sobre la hipernocicepción, además de evaluar la masa corporal y el peso relativo de algunos órganos de ratones. Para esto, se han utilizado ratones machos, adultos, de linaje Wistar, los que fueron sometidos (grupo entrenado) o no (grupo no entrenado) a ejercicios en cinta ergo métrica. La inflamación aguda fue inducida por la inyección de carragenina 0,5 por ciento en el cóccix de la pata posterior izquierda de los ratones y la nocicepción fue medida por medio del test plantar antes y pos 1, 2, 3, 4, 6, 8 y 24 horas. Al final de las evaluaciones los ratones fueron sometidos a anestesia profunda, incluso la eutanasia, para colectar y pesar las glándulas adrenales, corazón, bazo y riñones y posterior estudio anatomopatológico de estos tejidos. El análisis estadístico de los resultados mostró un aumento significante (P < 0,05) en el límite de hipernocicepción en los momentos H2, H3, H4 y H6 en los animales entrenados en alta intensidad. Hubo también una reducción (P < 0,05) en la masa corporal, bien como la hipertrofia de las glándulas adrenales y corazón y aumento de los riñones en los ratones entrenados en alta intensidad, además de hipertrofia de las adrenales en aquellos entrenados a baja intensidad. No ocurrieron alteraciones estadísticas significantes en los demás parámetros. Se concluye que los ejercicios físicos en la cinta ergo métrica alteraron...
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. med. esporte Assunto da revista: Medicina Esportiva Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Bandeirante de São Paulo/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. med. esporte Assunto da revista: Medicina Esportiva Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Bandeirante de São Paulo/BR
...