Your browser doesn't support javascript.
loading
In vitro evaluation of canine spermatozoa cryopreserved in different extenders
Oliveira, E. C. S; Juliani, G. C; Marques Júnior, A. P; Henry, M.
Afiliação
  • Oliveira, E. C. S; UFMG. Escola de Veterinária. Belo Horizonte. BR
  • Juliani, G. C; UFMG. Escola de Veterinária. Belo Horizonte. BR
  • Marques Júnior, A. P; UFMG. Escola de Veterinária. Belo Horizonte. BR
  • Henry, M; UFMG. Escola de Veterinária. Belo Horizonte. BR
Arq. bras. med. vet. zootec ; 58(6): 1116-1122, dez. 2006. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-455057
Biblioteca responsável: BR68.1
ABSTRACT
The efficacy of three extenders, tris-egg yolk-5 percent ethylene glycol (T1), lactose-egg yolk-5 percent ethylene glycol (T2) and lactose-egg yolk-5 percent dimethyl formamide (T3) on preserving the viability of post-thawing canine spermatozoa was evaluated. Three ejaculates per dog were obtained of five animals. The semen was packaged in 0.5ml straws and cooled to 4°C for 120min. The straws were frozen 4cm above the nitrogen level for 15min and thawed in water-bath at 37°C for 60sec and at 75°C for 7sec. Progressive motility and vigour were evaluated immediately after thawing (time 0) and at 30, 60, 90 and 120min. Structural and functional integrity of plasma membrane of the spermatozoa were evaluated, respectively, by fluorescent staining probes and hypoosmotic swelling test. Lactose-egg yolk based extenders showed better cryoprotectant capability and dimethyl formamide was an alternative cryoprotectant agent for dog sperm cells.
RESUMO
Avaliou-se a eficácia de três diluidores, tris-gema com 5 por cento de etileno glycol (T1), lactose-gema com 5 por cento de etileno glicol (T2) e lactose-gema com 5 por cento de dimetil-formamida (T3) na criopreservação do sêmen de cães. Foram obtidos três ejaculados por cão de um total de cinco animais. O sêmen foi envasado em palhetas de 0,5ml e resfriado até 4°C por 120min. As palhetas foram congeladas 4cm acima do nitrogênio líquido por 15min e descongeladas em banho-maria a 37°C por 60seg e 75°C por 7seg. A motilidade progressiva e o vigor foram avaliados imediatamente após a descongelação (tempo 0) e aos 30, 60, 90 e 120min. A integridade estrutural e funcional da membrana plasmática do espermatozóide foi avaliada, respectivamente, por meio da coloração de fluorescência e pelo teste hiposmótico. Os diluidores à base de lactose gema foram mais eficazes em preservar a viabilidade espermática pós-descongelação e a dimetil-formamida é um crioprotetor eficaz para espermatozóides de cães.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Preservação do Sêmen / Etilenoglicol / Dimetilformamida / Cães Limite: Animais Idioma: Inglês Revista: Arq. bras. med. vet. zootec Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UFMG/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Preservação do Sêmen / Etilenoglicol / Dimetilformamida / Cães Limite: Animais Idioma: Inglês Revista: Arq. bras. med. vet. zootec Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UFMG/BR
...