Your browser doesn't support javascript.
loading
Atividade autonômica em uma adolescente com ventrículo único submetida à intervenção fisioterapêutica: relato de caso / Autonomic activity in an adolescent with a single ventricle who underwent physical therapy intervention: case report
Castello, V; Mendes, R. G; Simões, R. P; Reis, M. S; Catai, A. M; Borghi-Silva, A.
Afiliação
  • Castello, V; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
  • Mendes, R. G; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
  • Simões, R. P; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
  • Reis, M. S; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
  • Catai, A. M; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
  • Borghi-Silva, A; Universidade Federal de São Carlos. Departamento de Fisioterapia Cardiovascular. Laboratório de Fisioterapia Cardiovascular. Núcleo de Pesquisa em Exercício Físico. São Carlos. BR
Braz. j. phys. ther. (Impr.) ; 12(2): 157-160, Mar.-Apr. 2008. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-484333
Biblioteca responsável: BR351.1
RESUMO

OBJETIVO:

Avaliar a atividade autonômica de uma adolescente com ventrículo único (VU), sem correção cirúrgica, participante de um programa de fisioterapia.

MATERIAIS E MÉTODOS:

Paciente do sexo feminino, 14 anos, com diagnóstico de VU tipo esquerdo, sem correção cirúrgica. A atividade autonômica foi avaliada pela variabilidade da freqüência cardíaca (VFC) nas posições supina e sentada, e pela manobra para acentuar a arritmia sinusal respiratória (M-ASR) no início do primeiro (A1), segundo (A2) e terceiro anos (A3) de tratamento fisioterapêutico cardiovascular (TFC) ambulatorial. Os intervalos RR e a freqüência cardíaca batimento a batimento foram calculados e armazenados para posterior análise. A VFC foi avaliada pelos índices RMSSD e RMSM e no domínio da freqüência pelas bandas de alta e baixa freqüência em unidades normalizadas (AFun e BFun, respectivamente) e pela razão BF/AF. O TFC constou de exercícios respiratórios associados a exercícios ativos e resistidos gerais, durante dois anos.

RESULTADOS:

De A1 para A3, o RMSM reduziu (14,5 por cento), a banda de BFun (42,2 por cento) e a razão BF/AF aumentou (117,0 por cento), e a banda AFun diminuiu (35,2 por cento). Em todas as situações, a banda BFun foi maior e a AFun foi menor na posição sentada. Além disso, a resposta parassimpática à M-ASR aumentou da situação A1 para A3 em 7,4 e 47,3 por cento, respectivamente.

CONCLUSÕES:

Concluímos que, na paciente estudada, a redução da VFC parece estar associada com o avanço da doença, porém, não houve prejuízos frente à mudança postural. Adicionalmente, o TFC proposto incrementou a resposta parassimpática durante a M-ASR.
ABSTRACT

OBJECTIVE:

To evaluate the autonomic activity of an adolescent with a single ventricle without surgical correction who participated in a physical therapy program.

METHODS:

This was a 14-year-old female patient with a left-type single ventricle who had not undergone any surgical intervention. The autonomic activity was evaluated according to the heart rate variability in the supine and seated positions and by means of the respiratory sinus arrhythmia accentuation maneuver (RSA-M) in the beginning of the first, second and third years of outpatient cardiovascular physical therapy treatment. The RR intervals and beat-to-beat heart rate were calculated and stored for subsequent analysis. The heart rate variability was evaluated by means of the RMSSD and RMSM indexes and in the frequency domain with high and low frequency bands in normalized units (HFnu and LFnu, respectively) and using the LF/HF ratio. The cardiovascular physical therapy consisted of respiratory exercises associated with active and general resistance exercises, for two years.

RESULTS:

From the first to the third year, the RMSM decreased (14.5 percent), LFnu band increased (42.2 percent), LF/HF ratio increased (117.0 percent) and HFnu decreased (35.2 percent). In all of the situations, the LFnu band was higher and HFnu was lower in the seated position. Additionally, the parasympathetic response to RSA-M increased from the first to the third years in 7.4 percent and 47.3 percent, respectively.

CONCLUSIONS:

We concluded that, for the patient studied, the reduction in heart rate variability seemed to be associated with the advance of the disease. Nevertheless, there was no damages related to postural change. In addition, the cardiovascular physical therapy proposed increased the parasympathetic response during RSA-M.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Sistema Nervoso Autônomo / Modalidades de Fisioterapia / Disfunção Ventricular Esquerda / Cardiopatias Limite: Adolescente Idioma: Inglês / Português Revista: Braz. j. phys. ther. (Impr.) Assunto da revista: MEDICINA FISICA E REABILITACAO Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de São Carlos/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Sistema Nervoso Autônomo / Modalidades de Fisioterapia / Disfunção Ventricular Esquerda / Cardiopatias Limite: Adolescente Idioma: Inglês / Português Revista: Braz. j. phys. ther. (Impr.) Assunto da revista: MEDICINA FISICA E REABILITACAO Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de São Carlos/BR
...