Your browser doesn't support javascript.
loading
Aspectos histológicos do pólipo rinossinusal / Histological aspects of rhinosinusal polyps
Couto, Luciano Gustavo Ferreira; Fernades, Atílio Maximino; Brandão, Daniel Ferracioli; Santi Neto, Dalisio de; Valera, Fabiana Cardoso Pereira; Anselmo-Lima, Wilma T.
Afiliação
  • Couto, Luciano Gustavo Ferreira; s.af
  • Fernades, Atílio Maximino; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Ribeirão Preto. BR
  • Brandão, Daniel Ferracioli; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Ribeirão Preto. BR
  • Santi Neto, Dalisio de; Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto. Departamento de Patologia. São José do Rio Preto. BR
  • Valera, Fabiana Cardoso Pereira; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Ribeirão Preto. BR
  • Anselmo-Lima, Wilma T; Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Ribeirão Preto. BR
Rev. bras. otorrinolaringol ; 74(2): 207-212, mar.-abr. 2008. ilus, graf
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-484826
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
Estudo de coorte contemporânea com corte transversal. As diferenças histológicas dos pólipos nasais e a sua possível implicação clínica são escassas em literatura, apesar de sua importância para um diagnóstico preciso. Os trabalhos existentes classificam amostras de pólipos sem a preocupação quanto à influência de tratamentos prévios, o que influenciaria o resultado obtido.

OBJETIVO:

Estudar morfologicamente, através da microscopia ótica, as alterações estruturais do pólipo nasal na ausência de qualquer tratamento prévio e classificá-lo, histologicamente, correlacionando com os estudos de literatura. MATERIAL E

MÉTODOS:

Foram estudados 89 pacientes com polipose rinossinusal sem tratamento prévio. As amostras dos pólipos foram colhidas por biópsia ambulatorial e analisadas através de microscopia ótica após coloração com hematoxilina e eosina.

RESULTADOS:

As amostras foram classificadas da seguinte forma pólipo Edematoso ou Eosinofílico 65 casos (73 por cento); pólipo Fibroinflamatório 16 casos (18 por cento); pólipo com Hiperplasia de Glândulas Seromucinosas 06 casos (6,7 por cento) e pólipo com Atipia de Estroma 2 casos (2,3 por cento). DISCUSSÃO O padrão eosinofílico predominou nos pacientes com polipose rinossinusal na população estudada. Este padrão assemelha-se com os principais estudos que, no entanto não mencionam sobre tratamentos prévios.

CONCLUSÃO:

Após análise das características histológicas dos pólipos, observou-se que pólipos não tratados apresentam um padrão predominantemente eosinofílico.
ABSTRACT
Contemporary cohort cross-sectional study.

Introduction:

Despite its importance for an accurate diagnosis, histology differences among nasal polyps and its clinical implications are rarely reported in the literature. The existing papers classify polyp samples without concern for prior treatments, which could influence the results attained.

AIMS:

carry out a morphological study, through light microscopy, of nasal polyps' structural alterations in the absence of any type of prior treatment and histologically classify it in relation to studies published in the literature. MATERIALS AND

METHODS:

We studied 89 patients with nasosinusal polyps without prior treatment. Polyp samples were collected by outpatient biopsy and analyzed through light microscopy after dyeing with hematoxylin-eosin.

RESULTS:

Samples were classified in the following way Edematous or eosinophilic polyp 65 cases (73 percent); fibro-inflammatory polyp 16 cases (18 percent); Polyp with Sero-mucinose gland hyperplasia 06 cases (6.7 percent) and polyp with stroma atypia 2 cases (2.3 percent).

DISCUSSION:

eosinophilic pattern prevailed in the patients with nasosinusal polyps of the population studied. This pattern is similar to the ones found in the major studies, which, however, do not mention prior treatment.

CONCLUSION:

after analyzing the polyps' histological characteristics, we noticed that the untreated polyps present a predominantly eosinophilic pattern.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Seios Paranasais / Doenças dos Seios Paranasais / Pólipos Nasais Tipo de estudo: Estudo de incidência / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Inglês / Português Revista: Rev. bras. otorrinolaringol Assunto da revista: Otorrinolaringologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto/BR / Universidade de São Paulo/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Seios Paranasais / Doenças dos Seios Paranasais / Pólipos Nasais Tipo de estudo: Estudo de incidência / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Inglês / Português Revista: Rev. bras. otorrinolaringol Assunto da revista: Otorrinolaringologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto/BR / Universidade de São Paulo/BR
...