Your browser doesn't support javascript.
loading
Confiabilidade teste-reteste do Mini-Exame do Estado Mental em uma população idosa assistida em uma unidade ambulatorial de saúde / Test-retest reliability of the Mini-Mental State Examination in an elderly population attended in a primary health care setting
Lourenço, Roberto Alves; Veras, Renato Peixoto; Ribeiro, Pricila Cristina Correa.
Afiliação
  • Lourenço, Roberto Alves; Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Ciências Médicas. Policlínica Piquet Carneiro.
  • Veras, Renato Peixoto; Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Instituto de Medicina Social. Departamento de Epidemiologia.
  • Ribeiro, Pricila Cristina Correa; Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Universidade Aberta da Terceira Idade. Cuidado Integral à Pessoa Idosa.
Rev. bras. geriatr. gerontol ; 11(1)jan.-abr. 2008. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-495188
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

Introdução:

A avaliação geriátrica atual utiliza amplamente escalas de avaliação funcional e cognitiva. No Brasil, as características psicométricas do Mini-Exame do Estado Mental (MEEM) não foram adequadamente avaliadas em populações idosas atendidas em ambulatórios gerais.

Objetivo:

Determinar a confiabilidade teste-reteste da versão em português do MEEM em indivíduos com 65 ou mais anos de idade atendidos em um ambulatório geral.

Métodos:

Foram selecionados 306 indivíduos com 65 anos ou mais, que procuraram um ambulatório geral de saúde, e foram submetidos a uma avaliação geriátrica com vários instrumentos, entre os quais o MEEM, que foi reaplicado em 105 indivíduos, pelos mesmos examinadores, com intervalo de uma semana. A confiabilidade foi estimada pelos coeficientes kappa e de correlação intraclasse. O alfa de Cronbach estimou a consistência interna da escala.

Resultados:

Não houve diferenças significativas socioeconômicas ou de morbidades entre a amostra selecionada para o estudo de confiabilidade e a população de estudo. O coeficiente kappa para um ponto de corte 23/24 foi 0,79, considerado ?substancial?. O coeficiente de correlação intraclasse foi calculado em 0,80, e o alfa de Cronbach foi de 0,71.

Conclusão:

A versão para o português do MEEM utilizada neste estudo foi considerada confiávelpara a avaliação cognitiva de idosos em ambulatórios gerais.
ABSTRACT

Introduction:

Geriatric assessment has been done worldwide with the aid of functional and cognitive scales. In Brazil, the psychometric features of the Mini-Mental State Examination (MMSE) have not been properly assessed in elderly outpatients.

Objectives:

To determine the test-retest reliability of the Portuguese version of the MMSE in elderly people.

Methods:

A sample of 306 people (>=65 years) who have attended a primary health care setting was selected. They were submitted to a comprehensive geriatric assessment with several functional tools including the Mini-Mental State Examination, and 105 individuals were tested again one week after the initial assessment, by the same examiners. The reliability was assessed by Cohen’s kappa and intraclass correlation coefficients. The internal scale consistency was assessed by Crombach’s alpha coefficient.

Results:

There were no significant socio-economic differences between the reliability sample and the study population. The kappa coefficient was considered “substantial” (0.79 at cutoff point = 23/24). The ICC was 0.80 and the Cronbach’s alpha was 0.71.

Conclusion:

When assessed by kappa and ICC coefficients the Portuguese version of the MMSE was considered reliable in a test-retest model of reliability study in an elderly population attended in a primary care setting.
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. geriatr. gerontol Assunto da revista: Geriatria / Gerontologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. geriatr. gerontol Assunto da revista: Geriatria / Gerontologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil