Your browser doesn't support javascript.
loading
O adolescente e o diabetes: uma experiência de vida / Teenagers with type 1 diabetes mellitus: life experience report / El adolescente y la diabetes: una experiencia de vida
Damião, Elaine Buchhom Cintra; Dias, Vanessa Cristina; Fabri, Letícia Rosa de Oliveira.
Afiliação
  • Damião, Elaine Buchhom Cintra; Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem. Departamento de Enfermagem Materno-Infantil e Psiquiátrica. São Paulo. BR
  • Dias, Vanessa Cristina; Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem. São Paulo. BR
  • Fabri, Letícia Rosa de Oliveira; Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem. São Paulo. BR
Acta paul. enferm ; 23(1): 41-47, 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-542185
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

Objetivo:

Compreender como o adolescente com diabetes mellitus tipo I vivencia sua experiência de doença e como lida com esta situação no cotidiano.

Métodos:

O Interacionismo Simbólico foi utilizado como referencial teórico e a Teoria Fundamentada nos Dados como o referencial metodológico da pesquisa. Participaram do estudo 10 adolescentes com diagnóstico de diabetes mellitus tipo 1 há mais de um ano.

Resultados:

Foram identificados dois fenômenos explicativos da experiência não sendo normal ter diabetes e sendo normal ter diabetes.

Conclusão:

Os dois fenômenos não são isolados ou excludentes para o mesmo adolescente, parecendo haver períodos ou fases em que os adolescentes identificam-se e vivenciam ora um fenômeno ora outro, com maior ou menor intensidade.
ABSTRACT

Purpose:

To understand the life experience of teenagers with type 1 diabetes mellitus and how they cope with the disease in daily life.

Methods:

The symbolic interactionism was the theoretical perspective guiding the study. Grounded theory served as the method for using the empirical data. Participants consisted of 10 teenagers with type 1 diabetes mellitus over a year.

Results:

Two phenomena explaining their life experience emerged "Regarding having diabetes as being normal" and "regarding having diabetes as being abnormal.

Conclusion:

The two phenomena were not isolated or excluded from the life experience of the same teenager; there were phases in which the teenagers experienced one of the phenomena and vice-versa with greater or less intensity.
RESUMEN

Objetivo:

Comprender como el adolescente con diabetes mellitus tipo I experimenta su enfermedad y como lidia con esta situación en lo cotidiano.

Métodos:

El Interaccionismo Simbólico fue utilizado como marco teórico y la Teoría Fundamentada en los Datos como el marco metodológico de la investigación. Participaron del estudio 10 adolescentes que tenían diagnóstico de diabetes mellitus tipo 1 hace más de un año.

Resultados:

Fueron identificados dos fenómenos que explicaban la experiencia no es normal tener diabetes y es normal tener diabetes.

Conclusión:

Los dos fenómenos no están aislados o se excluyen mutuamente para el mismo adolescente, pareciendo haber períodos o fases en que los adolescentes se identifican y viven una vez un fenómeno y otra vez el otro, con mayor o menor intensidad.
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Idioma: Português Revista: Acta paul. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Idioma: Português Revista: Acta paul. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo/BR
...