Your browser doesn't support javascript.
loading
Fatores preditores precoces de reinternação em unidade de terapia intensiva / Early predictive factors for intensive care unit readmission
Japiassú, André Miguel; Cukier, Michel Schatkin; Queiroz, Ana Gabriela Coelho de Magalhães; Gondim, Carlos Roberto Naegeli; Penna, Guilherme Loures de Araújo; Almeida, Gustavo Ferreira; Kurtz, Pedro Martins Pereira; Rodrigues, André Salgado; Freitas, Márcia Barbosa de; Souza, Ronaldo Vegni e; Rosa, Paula Araújo; Faria, Clovis Jean da Cruz; Drumond, Luis Eduardo Fonseca; Kalichsztein, Marcelo; Nobre, Gustavo Freitas.
Afiliação
  • Japiassú, André Miguel; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Cukier, Michel Schatkin; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Queiroz, Ana Gabriela Coelho de Magalhães; Casa de Saúde São José. Unidade de Terapia Intensiva. Rio de Janeiro. BR
  • Gondim, Carlos Roberto Naegeli; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Penna, Guilherme Loures de Araújo; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Almeida, Gustavo Ferreira; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Kurtz, Pedro Martins Pereira; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Rodrigues, André Salgado; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Freitas, Márcia Barbosa de; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Souza, Ronaldo Vegni e; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Rosa, Paula Araújo; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Faria, Clovis Jean da Cruz; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Drumond, Luis Eduardo Fonseca; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Kalichsztein, Marcelo; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
  • Nobre, Gustavo Freitas; Casa de Saúde São José. Unidade de Tratamento Intensivo. Rio de Janeiro. BR
Rev. bras. ter. intensiva ; 21(4): 353-358, out.-dez. 2009. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-542524
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

OBJETIVOS:

Prever reinternação na unidade de terapia intensiva, analisando as primeiras 24 horas de pacientes após admissão em unidade de terapia intensiva.

MÉTODOS:

A primeira internação de pacientes de janeiro a maio de 2009 em UTI geral foi estudada. Considerou-se reinternação em unidade de terapia intensiva na mesma permanência hospitalar ou retorno em até 3 meses após alta da unidade. Pacientes que faleceram na 1ª admissão foram excluídos. Fatores demográficos, uso de assistência ventilatória e permanência na unidade de terapia intensiva por mais de 3 dias foram analisadas de forma uni e multivariada de acordo com desfecho reinternação.

RESULTADOS:

Quinhentos e setenta e sete pacientes foram incluídos (33 óbitos excluídos). O grupo de reinternação foi 59 pacientes, e 518 não reinternados. O tempo entre admissão índice e reinternação foi 9 (3-28) dias (18 foram readmitidos com menos de 3 dias) e 10 faleceram. Os pacientes reinternados pelo menos 1 vez na unidade de terapia intensiva apresentaram as seguintes diferenças em relação ao grupo controle maior idade 75 (67-81) versus 67 (56-78) anos, p<0,01; admissão por insuficiência respiratória e/ou sepse 33 versus 13 por cento, p<0,01; admissão clínica 49 versus 32 por cento, p<0,05; maior SAPS II 27 (21-35) versus 23 (18-29) pontos, p<0,01; Charlson 2 (1-2) versus 1 (0-2) pontos, p<0,01 e permanência maior que 3 dias na unidade de terapia intensiva na 1ª admissão (35 versus 23 por cento, p<0,01). Após regressão logística, idade, índice de Charlson e admissão por causas respiratórias ou sepse foram independentemente associados às reinternações em unidade de terapia intensiva.

CONCLUSÃO:

Idade, comorbidades e admissão por insuficiência respiratória e/ou sepse estão precocemente associadas a maior risco de reinternações na unidade de terapia intensiva estudada.
ABSTRACT

OBJECTIVE:

To predict readmission in intensive care unit analyzing the first 24 hours data after intensive care unit admission.

METHODS:

The first intensive care unit admission of patients was analyzed from January to May 2009 in a mixed unit. Readmission to the unit was considered those during the same hospital stay or within 3 months after intensive care unit discharge. Deaths during the first admission were excluded. Demographic data, use of mechanical ventilation, and report of stay longer than 3 days were submitted to uni and multivariate analysis for readmission.

RESULTS:

Five hundred seventy-seven patients were included (33 excluded deaths). The readmission group had 59 patients, while 518 patients were not readmitted. The lead time between the index admission and readmission was 9 (3-28) days (18 were readmitted in less than 3 days), and 10 died. Patients readmitted at least once to the intensive care unit had the differences below in comparison to the control group older age 75 (67-81) versus 67 (56-78) years, P<0.01; admission for respiratory insufficiency or sepsis 33 versus 13 percent, P<0.01; medical admission 49 versus 32 percent, P<0.05; higher SAPS II score 27 (21-35) versus 23 (18-29) points, P<0.01; Charlson index 2 (1-2) versus 1 (0-2) points, P<0.01; first ICU stay longer than 3 days 35 versus 23 percent, P<0.01. After logistic regression, higher age, Charlson index and admission for respiratory and sepsis were independently associated to readmissions in intensive care unit.

CONCLUSION:

Age, comorbidities and respiratory- and/or sepsis-related admission are associated with increased readmission risk in the studied sample.
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. ter. intensiva Assunto da revista: Terapia Intensiva Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Casa de Saúde São José/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. bras. ter. intensiva Assunto da revista: Terapia Intensiva Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Casa de Saúde São José/BR
...