Your browser doesn't support javascript.
loading
Toxicidade aguda e efeitos histopatológicos do diquate na brânquia e no fígado do Piauçu (Leporinus macrocephalus) / Diquat acute toxicity and histopathological effects on Leporinus Macrocephalus's gliss and liver
Henares, Matheus Nicolino Peixoto; Cruz, Claudinei da; Gomes, Gabriela Roncada; Pitelli, Robinson Antonio; Machado, Marcia Rita Fernandes.
Afiliação
  • Henares, Matheus Nicolino Peixoto; Universidade Estadual Paulista. Jaboticabal. BR
  • Cruz, Claudinei da; Universidade Estadual Paulista. Jaboticabal. BR
  • Gomes, Gabriela Roncada; Universidade Estadual Paulista. Jaboticabal. BR
  • Pitelli, Robinson Antonio; Universidade Estadual Paulista. Jaboticabal. BR
  • Machado, Marcia Rita Fernandes; Universidade Estadual Paulista. Jaboticabal. BR
Pesticidas ; 17: 107-116, jan.-dez. 2007. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-543507
Biblioteca responsável: BR16.1
RESUMO
A concentração letal (CL 9I) 50-96h e os efeitos histopatológicos do diquate para o piauçu (Leporinus macrocephalus) foram avaliados em três experimentos conduzidos em condições de laboratório. Os peixes foram expostos ás concentrações de 0; 12; 18; 24; 30; 36; 42; 48; 54 e 60 mg de diquate/L e a histologia da brânquia e do fígado avaliada nos peixes sobreviventes. A concentração letal (CL 9I050-96h) foi de 34,76 mg/L. Nos tratamentos controle, 12 e 18 mg/L as brânquias dos peixes estavam revestidas por epitélio estratificado que em intervalos regulares formaram as lamelas secundárias, constituídas por duas camadas de células epiteliais pavimentosas, células pilares, células-cloreto e células mucosas. Nos tratamentos com 24, 30, 36, 42 e 48 mg/L ocorreu hiperplasia das células de revestimento, das mucosas e das células cloreto no espaço interlamelar. No tratamento com 54 mg/L verificou-se edema subepitelial e fusão apical das lamelas secundárias. O fígado do piauçu nos tratamentos controle e 12 mg/L apresentaram arranjo cordonal dos hepatócitos. Nos tratamentos com 18, 24, 30, 36, 42, 48 e 54 mg/L ocorreu congestão no interior dos capilares sinusóides. Nos tratamentos com 48 e 54 mg/L constatou-se a presença de grânulo de glicogênio no interior da célula, início de necrose dos hepatopâncreas, congestão e fusão celular. O diquate mostrou-se pouco tóxico para o L macrocephalus, e as alterações histopatológcas que ocorreram na brãnquia e no fígado dos peixes são reversíveis.
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Toxicidade / Peixes / Brânquias / Herbicidas / Fígado Limite: Animais Idioma: Português Revista: Pesticidas Assunto da revista: Toxicologia Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual Paulista/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Toxicidade / Peixes / Brânquias / Herbicidas / Fígado Limite: Animais Idioma: Português Revista: Pesticidas Assunto da revista: Toxicologia Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual Paulista/BR
...