Your browser doesn't support javascript.
loading
Perfil do tratamento fisioterapêutico em crianças portadoras da síndrome de Down acompanhadas pelo Serviço de Genética Clínica do IPPMG/UFRJ / Physical therapy profile in children with Down syndrome followed by the IPPMG/UFRJ Genetic Clinical Service
Ribeiro, Carla Trevisan Martins; Ribeiro, Márcia Gonçalves; Araújo, Alexandra Prufer de Queiroz Campos.
Afiliação
  • Ribeiro, Carla Trevisan Martins; UFRJ. Rio de Janeiro. BR
  • Ribeiro, Márcia Gonçalves; UFRJ. Rio de Janeiro. BR
  • Araújo, Alexandra Prufer de Queiroz Campos; UFRJ. Departamento de Pediatria. Rio de Janeiro. BR
Fisioter. Bras ; 10(6): 402-407, nov.-dez. 2009.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-546632
Biblioteca responsável: BR1561.1
RESUMO

Objetivo:

Aumentar o conhecimento referente à prática de fisioterapia motora (FM) nas crianças portadoras da Sindrome de Down (SD) acompanhadas pelo Serviço de Genética Clínica do IPPMG/UFRJ. Material e

métodos:

Estudo descritivo, transversal, com aplicação de questionário aos responsáveis de portadores da SD (1 a 3 anos).

Resultados:

Amostra de pais de 61 crianças; 18 por cento (n = 11) nunca realizaram FM, 23 por cento (n = 14) iniciaram, mas a interromperam, e 59 por cento (n = 36) realizavam FM no momento da entrevista. Todas foram encaminhadas à FM, a maioria por geneticista (66 por cento). Mediana de idade de encaminhamento foi de 4 meses, apesar de 80 por cento das crianças terem sido diagnosticadas ao nascimento. Mediana de idade para início da FM foi de 5 meses; mais da metade da amostra (61,1 por cento) realizava FM duas vezes na semana, entre 15 e 90 min, sendo que (63,9 por cento) com duração média de 30 min. Somente um pai não recebia orientação, e metade participava das sessões.

Conclusão:

O atendimento fisioterapêutico não foi aplicado a todas as crianças encaminhadas, mas mostrou-se dentro do esperado com respeito à freqüência e ao envolvimento dos responsáveis na terapia. Este perfil foi importante na tentativa de aprimorar os programas de reabilitação para esta população.
ABSTRACT

Objective:

To increase the knowledge in relation to motor physical therapy practice in children with Down syndrome followed by the IPPMG/UFRJ Genetic Clinical Service.

Methods:

Descriptive, transversal study, which applied a questionnaire to Down syndrome children parents (1 to 3 years old).

Results:

The sample included parents of 61 children; 18 percent (n = 11) have never performed motor physical therapy, 23 percent (n = 14) have initiated physical therapy treatment, but interrupted it, and 59 percent (n = 36) were performing physical therapy at the moment of the interview. All children were recommended and guided to therapy treatment, most of them (66 percent) by geneticist. The median age of guiding children to therapy was 4 months old, although 80 percentof them have been diagnosed at birth. The median age for beginning treatment was 5 months old; more than half of the children (61.1 percent) were taking part of a physical therapy, twice a week 15-90 minutes session, (63.9 percent) for 30 minutes. There was only one parent that did not receive orientation; and half of the parents participated on treatment.

Conclusion:

The treatment was not applied to all children sent to motor therapy; however concerning frequency and parent’s involvement on the sessions it fulfilled all the expectations. This profile was important to improve rehabilitation program for this population.
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Serviço Hospitalar de Fisioterapia / Reabilitação / Centros de Reabilitação / Modalidades de Fisioterapia / Resultado do Tratamento / Síndrome de Down / Serviços de Reabilitação Tipo de estudo: Estudo de prevalência Idioma: Português Revista: Fisioter. Bras Assunto da revista: MEDICINA FISICA E REABILITACAO Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UFRJ/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Serviço Hospitalar de Fisioterapia / Reabilitação / Centros de Reabilitação / Modalidades de Fisioterapia / Resultado do Tratamento / Síndrome de Down / Serviços de Reabilitação Tipo de estudo: Estudo de prevalência Idioma: Português Revista: Fisioter. Bras Assunto da revista: MEDICINA FISICA E REABILITACAO Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UFRJ/BR
...