Your browser doesn't support javascript.
loading
Estudo retrospectivo das complicações intra-operatórias na cirurgia de revascularização do miocárdio / Retrospective study of intra-operative complications in the surgery of revascularization of the myocardium
Rev. eletrônica enferm ; 10(4)2008. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-600095
Biblioteca responsável: BR584.1
RESUMO
As complicações intra-operatórias na cirurgia de revascularização miocárdica (CRM) quando reconhecidas previamente podem guiar os cuidados prestados na sala operatória, dando continuidade na Unidade de Terapia Intensiva e durante toda internação. Quando a equipe conhece essas complicações sofridas pelo indivíduo poderá prever e prover cuidados mais específicos na seqüência de sua evolução cirúrgica. O objetivo desse estudo foi investigar a freqüência e tipos de complicações observadas no intra-operatório da CRM. Trata-se de um estudo retrospectivo, descritivo, transversal, baseado em dados secundários, com amostra intencional de 123 sujeitos. A coleta de dados realizou-se por meio do acesso ao banco de dados do Instituto de Moléstias Cardiovasculares do Oeste do Paraná, em Cascavel. Os dados foram analisados no programa computadorizado Statistic, versão 6,0. Os tipos de complicações observadas nesse período foram cardiovasculares, pulmonares, alteração nos vasos do enxerto e sangramento. Dentre essas, a que obteve maior freqüência foi alteração nos vasos do enxerto, em 33 (26,8%) casos. As complicações no intra-operatório podem não ser passíveis de prevenção quando consideradas as características individuais de cada sujeito, entretanto, todos os esforços precisam ser direcionados para que o evento, quando ocorrer, seja bem atendido, evitando dessa forma, complicações adicionais maiores.
ABSTRACT
The intra-operative complications in the myocardium revascularization (MRC) when previously known can lead the care applied in the operating theater, supporting the Intensive Therapy Unit continuation and so during the hospitalization. When the crew is aware of these complications suffered by the inpatient will be able to foresee and provide more specific care in the sequence of the surgery evolution. The aim of this study was to investigate the frequency and complication types observed in the intra-operative myocardial revascularization surgery. It is a retrospective, descriptive, transversal study, based upon secondary data, with an intentional 123-patient-sample. The data collection took place through the access of the West of Parana Cardiovascular Diseases Institute database, in Cascavel. The data was analyzed in the Statistic 6,0 program. The complication types observed in that period were cardiovascular, pulmonary, alteration in the vases of the graft and bleeding. Among these, the one that had the largest frequency was the alteration in the vases of the graft in 33 cases, equivalent to 26,8% of the cases. The importance of identifying these complications in this group is taken into account as a way of preventing from them.
RESUMEN
Las complicaciones intra-operatorias en la Cirugía de Revascularización Miocárdica (CRM) cuando reconocidas previamente pueden guiar los cuidados prestados en la sala de operaciones, ofreciendo continuaidad en la Unidad de Terapia Intensiva y durante toda la internación. Cuando el equipo conoce las complicaciones sufridas por el individuo, podrá prevenir y proveer cuidados más especificos en la secuencia de la evolución de la cirugía. El objetivo de este estudio fue averiguar la frecuencia y las clases de complicaciones observadas en el intraoperatorio de la CRM. Es un estudio retrospectivo, descriptivo, transversal, basado en datos secundarios, con muestra intencional de 123 sujetos. El recogimiento de datos se realizo por medio del acceso al banco de datos del Instituto de Molestias Cardiovasculares del Oeste de Paraná, en Cascavel. Los datos fueron analizados en el programa Statistic 6,0. Las clases de complicaciones observadas en ese periodo fueron cardiovasculares, pulmonares, alteración en los vasos del enjerto y sangramiento. De entre esos, la que obtuvo mayor frecuencia fue la alteración en los vasos del enjerto, en 33, equivalientes a 26,8% de los casos. Se considera la importancia de identificar estas complicaciones en ese grupo, para que se las puedan prevenir.
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Complicações Intraoperatórias / Revascularização Miocárdica Tipo de estudo: Prevalence_studies Limite: Adulto / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Rev. eletrônica enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual de Maringá/BR / Universidade Estadual do Oeste do Paraná/BR / Universidade de São Paulo/BR