Your browser doesn't support javascript.
loading
Transporte intra-hospitalar de pacientes adultos em estado crítico: complicações relacionadas à equipe, equipamentos e fatores fisiológicos / Intra-hospital transport of critically ill adult patients: complications related to staff, equipment and physiological factors
Almeida, Ana Carolina Goulardins de; Neves, Ana Lúcia Domingues; Souza, Claudenice Leite Bertoli de; Garcia, Júlia Helena; Lopes, Juliana de Lima; Barros, Alba Lucia Bottura Leite de.
Afiliação
  • Almeida, Ana Carolina Goulardins de; Instituto do Coração. Unidade Coronariana. São Paulo. BR
  • Neves, Ana Lúcia Domingues; Instituto do Coração. Unidade de Terapia Intensiva Cirúrgica. São Paulo. BR
  • Souza, Claudenice Leite Bertoli de; Hospital Nove de Julho de São Paulo. Unidade de Terapia Intensiva. São Paulo. BR
  • Garcia, Júlia Helena; Hospital Nove de Julho de São Paulo. Unidade de Terapia Intensiva. São Paulo. BR
  • Lopes, Juliana de Lima; Instituto do Coração. São Paulo. BR
  • Barros, Alba Lucia Bottura Leite de; Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Enfermagem. São Paulo. BR
Acta paul. enferm ; 25(3): 471-476, 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-641582
Biblioteca responsável: BR1.2
RESUMO

OBJETIVO:

Identificar na literatura as complicações relacionadas às alterações fisiológicas do paciente, à equipe multidisciplinar e ao uso de equipamentos durante o transporte intra-hospitalar de pacientes críticos.

MÉTODOS:

Revisão integrativa da literatura, com busca nas bases de dados PUBMED, MEDLINE, e LILACS.

RESULTADOS:

Foram encontrados 20 artigos, todos escritos na língua inglesa. Os estudos mostraram que as alterações na pressão arterial e na frequência cardíaca são as mais comuns durante o transporte. Dos eventos adversos relacionados a problemas com a equipe, destacaram-se, a falta de conhecimento do profissional e a falha de comunicação, além dos provenientes dos equipamentos utilizados.

CONCLUSÃO:

Transportar o paciente crítico de maneira segura significa melhorar a comunicação entre as equipes, padronizar as ações e equipamentos utilizados por meio de protocolos e identificar intercorrências para obter excelência no atendimento durante o transporte.
ABSTRACT

OBJECTIVE:

To identify in the literature the complications related to physiological changes of the patient, the multidisciplinary team and the use of equipment during the intrahospital transport of critically ill patients.

METHODS:

Integrative review of literature, through a search in the databases of PubMED, MEDLINE, and LILACS.

RESULTS:

We encountered 20 articles, all written in the English language. Studies have shown that changes in arterial pressure and heart rate are most common during transport. Of the adverse events related to problems with the team, the lack of knowledge of the professional and failure of communication stood out, apart from those derived from equipment used.

CONCLUSION:

Transporting the critically ill patient safely requires improving communication between teams, standardizing the actions and equipment used by means of protocols, and identifying opportunities to obtain excellence in service during transport.
RESUMEN

OBJETIVO:

Identificar en la literatura las complicaciones relacionadas a las alteraciones fisiológicas del paciente, al equipo multidisciplinario y al uso de equipamientos durante el transporte intrahospitalario de pacientes críticos.

MÉTODOS:

Revisión integrativa de la literatura, con búsqueda en las bases de datos PUBMED, MEDLINE, y LILACS.

RESULTADOS:

Fueron encontrados 20 artículos, todos escritos en el idioma inglés. Los estudios mostraron que las alteraciones en la presión arterial y en la frecuencia cardíaca son las más comunes durante el transporte. De los eventos adversos relacionados a problemas con el equipo, se destacaron, la falta de conocimiento del profesional y la falla en la comunicación, además de los provenientes de los equipamientos utilizados.

CONCLUSIÓN:

Transportar al paciente crítico de manera segura significa mejorar la comunicación entre los equipos, patronizar las acciones y equipamientos utilizados por medio de protocolos e identificar complicaciones para obtener excelencia en la atención durante el transporte.
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Equipe de Assistência ao Paciente / Sinais e Sintomas / Transporte de Pacientes / Transferência de Pacientes / Estado Terminal / Falha de Equipamento Tipo de estudo: Revisão sistemática Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Acta paul. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Hospital Nove de Julho de São Paulo/BR / Instituto do Coração/BR / Universidade Federal de São Paulo/BR