Your browser doesn't support javascript.
Língua de sinais: como a equipe de enfermagem interage para cuidar de clientes surdos? / La lengua de signos: ¿cómo interactúa el personal de enfermería para atender a los clientes sordos? / Sign language: how the nursing staff interacts to take care of deaf patients?
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 5(3): 283-292, jul.-set. 2013. graf
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-683564
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

OBJETIVO:

Identificar como profissionais da equipe de enfermagem de um hospital universitário interagem para cuidar de seus clientes surdos.

MÉTODO:

Pesquisa descritiva, exploratória, quanti-qualitativa, realizada no segundo semestre de 2012.

RESULTADOS:

21 (57%) informaram nunca ter prestado cuidados a clientes surdos. 16 (43%) profissionais de enfermagem que já prestaram cuidados aos clientes surdos. 12 (46,15%) referências ao uso da mímica; 4 (15,38%) menções ao uso da leitura labial; 8 (30,77%) referências ao uso da escrita; 1 (3,85%) referência ao uso do desenho; e 1 (3,85%) menção à ajuda de intérprete para se comunicar com clientes surdos.

CONCLUSÃO:

Conclui-se que é preciso a tomada de providências efetivas para que profissionais de enfermagem se comuniquem adequadamente com os clientes surdos, a começar pela oferta regular de disciplinas específicas em todos os cursos e programas de ensino
ABSTRACT

OBJECTIVE:

To identify how the professional nursing staff of a university hospital interacts to care for their deaf patients.

METHOD:

A descriptive, exploratory, and quanti-qualitative study performed in the second semester of 2012.

RESULTS:

Twenty-one nurses (57%) reported never having provided care for deaf patients. Sixteen nurses (43%) have provided care for deaf patients and reported the following means of communication: 12 (46.15%) referred using mime; 4 (15.38%) mentioned using lip reading; 8 (30.77%) used writing; 1 (3.85%) used drawing and; 1 (3.85%) used an interpreter.

CONCLUSION:

It is necessary to take effective measures for nursing professionals to communicate appropriately with deaf patients starting with the offering of specific disciplines in all courses and education programs
RESUMEN

OBJETIVO:

Identificar cómo el personal profesional de enfermería de un hospital universitario interactúa para atender a sus clientes sordos.

MÉTODO:

Estudio descriptivo, exploratorio, cuanti-cualitativo, celebrado en el segundo semestre de 2012.

RESULTADOS:

21 (57%) indicaron que nunca habían prestado atención a clientes sordos. 16 (43%) de los profesionales de enfermaría que habían atendido a los pacientes sordos.12 (46,15%) hicieran referencias a la utilización de la mímica; 4 (15,38%) mencionaran el uso de la lectura de labios; 8 (30,77%) dijeran respecto a la utilización de la escritura; 1 (3,85%) dijera respecto a la utilización del diseño y 1 (3,85%) mencionara un intérprete para comunicarse con clientes sordos.

CONCLUSIÓN:

Se concluye que es necesario tomar medidas efectivas para los profesionales de enfermería comunicarse adecuadamente con los pacientes sordos, comenzando con el suministro regular de disciplinas específicas en todos los cursos y programas de educación
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Línguas de Sinais / Pessoas com Deficiência Auditiva / Educação Continuada Idioma: Inglês / Português Revista: Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/BR / Universidade Federal do Rio de Janeiro/BR