Your browser doesn't support javascript.
loading
Frequency of benzimidazole resistance in Haemonchus contortus populations isolated from buffalo, goat and sheep herds / Frequência da resistência ao benzimidazol em populações de Haemonchus contortus isoladas de rebanhos de bubalinos, caprinos e ovinos
Nunes, Ronaldo Luiz; Santos, Livia Loiola dos; Bastianetto, Eduardo; Oliveira, Denise Aparecida Andrade de; Brasil, Bruno Santos Alves Figueiredo.
Afiliação
  • Nunes, Ronaldo Luiz; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Escola de Veterinaria. Departamento de Zootecnia. Laboratorio de Genetica Animal. Belo Horizonte. BR
  • Santos, Livia Loiola dos; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Escola de Veterinaria. Departamento de Zootecnia. Laboratorio de Genetica Animal. Belo Horizonte. BR
  • Bastianetto, Eduardo; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Escola de Veterinaria. Departamento de Zootecnia. Laboratorio de Genetica Animal. Belo Horizonte. BR
  • Oliveira, Denise Aparecida Andrade de; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Escola de Veterinaria. Departamento de Zootecnia. Laboratorio de Genetica Animal. Belo Horizonte. BR
  • Brasil, Bruno Santos Alves Figueiredo; Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Escola de Veterinaria. Departamento de Zootecnia. Laboratorio de Genetica Animal. Belo Horizonte. BR
Rev. bras. parasitol. vet ; 22(4): 548-553, Oct-Dec/2013. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-698003
Biblioteca responsável: BR1.1
ABSTRACT
Anthelmintic resistance is an increasing problem that threatens livestock production worldwide. Understanding of the genetic basis of benzimidazole resistance recently allowed the development of promising molecular diagnostic tools. In this study, isolates of Haemonchus contortus obtained from goats, sheep and buffaloes raised in Brazil were screened for presence of the polymorphism Phe200Tyr in the β-tubulin 1 gene, which confers resistance to benzimidazole. The allelic frequency of the mutation conferring resistance ranged from 7% to 43%, and indicated that resistance to benzimidazole could be found in nematodes isolated from all the ruminant species surveyed. Although significant variation in the frequency of the F200Y mutation was observed between different herds or host species, no significant variation could be found in populations isolated from animals within the same herd. These findings suggest that screening of samples from a few animals has the potential to provide information about the benzimidazole resistance status of the entire herd, which would enable a considerable reduction in the costs of diagnosis for the producer. Molecular diagnosis has practical advantages, since it can guide the choice of anthelmintic drug that will be used, before its application in the herd, thus reducing the economic losses driven by anthelmintic resistance.
RESUMO
A resistência aos anti-helmínticos é um problema crescente que ameaça a produção pecuária em todo o mundo. A compreensão da base genética da resistência ao benzimidazol permitiu, recentemente, o desenvolvimento de métodos diagnósticos moleculares promissores. Neste estudo, isolados de Haemonchus contortus obtidos a partir de rebanhos de caprinos, ovinos e bubalinos criados no Brasil foram avaliados quanto à presença do polimorfismo F200Y no gene da β-tubulina1, o qual confere resistência ao benzimidazol. A frequência alélica da mutação variou de 7% a 43%, indicando que a resistência ao benzimidazol pode ser encontrada em nematoides isolados a partir de todas as espécies de ruminantes pesquisadas. Embora tenha sido observada variação significativa das frequências de mutação F200Y entre rebanhos/espécies hospedeiros distintos, não foi encontrada variação significativa entre populações isoladas de animais dentro de um mesmo rebanho. Estes achados sugerem que a avaliação de amostras de alguns poucos animais tem o potencial de fornecer informações sobre o nível de resistência ao benzimidazol de todo o rebanho, possibilitando uma redução considerável dos custos de diagnóstico para o produtor. O diagnóstico molecular apresenta vantagens práticas, uma vez que pode guiar a escolha da base anti-helmíntica a ser utilizada antes da sua aplicação no rebanho, reduzindo, portanto, as perdas ocasionadas pela resistência aos fármacos anti-helmínticos.
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Doenças dos Ovinos / Benzimidazóis / Búfalos / Cabras / Ovinos / Doenças das Cabras / Hemoncose / Haemonchus / Anti-Helmínticos Tipo de estudo: Estudo de rastreamento Limite: Animais Idioma: Inglês Revista: Rev. bras. parasitol. vet Assunto da revista: Medicina Veterinária / Parasitologia Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Doenças dos Ovinos / Benzimidazóis / Búfalos / Cabras / Ovinos / Doenças das Cabras / Hemoncose / Haemonchus / Anti-Helmínticos Tipo de estudo: Estudo de rastreamento Limite: Animais Idioma: Inglês Revista: Rev. bras. parasitol. vet Assunto da revista: Medicina Veterinária / Parasitologia Ano de publicação: 2013 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG/BR
...