Your browser doesn't support javascript.
loading
Prevalência e distribuição espacial da leishmaniose visceral em cães do município de Juatuba, Minas Gerais, Brasil / Prevalence and spatial distribution of visceral leishmaniasis in dogs Juatuba, Minas Gerais, Brazil
Borges, Luiz Felipe Nunes Menezes; Lopes, Eliane Gonçalves Paiva; Freitas, Ana Cláudia Parreiras de; Silva, Marcos Xavier; Haddad, João Paulo Amaral; Silva, José Ailton da; Nicolino, Rafael Romero; Soares, Danielle Ferreira de Magalhães.
Afiliação
  • Borges, Luiz Felipe Nunes Menezes; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Lopes, Eliane Gonçalves Paiva; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Freitas, Ana Cláudia Parreiras de; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Silva, Marcos Xavier; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Haddad, João Paulo Amaral; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Silva, José Ailton da; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Nicolino, Rafael Romero; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
  • Soares, Danielle Ferreira de Magalhães; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). , Área de Epidemiologia, Escola de Veterinária. Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. Belo Horizonte. BR
Ciênc. rural ; 44(2): 352-357, fev. 2014. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-701369
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
O presente estudo teve como objetivo determinar a prevalência e a distribuição espacial da leishmaniose visceral em cães (LVC) do município de Juatuba, Minas Gerais, Brasil, no ano de 2010. Foi realizado um estudo observacional transversal por meio de coleta de amostras sanguíneas de 957 cães, definidos aleatoriamente em todos os bairros do município. No diagnóstico sorológico, foram utilizados os testes de Imunofluorescência Indireta (IFI) e Teste de Adsorção Enzimática (ELISA), preconizados pelo Ministério da Saúde (MS). Foram marcadas as coordenadas geográficas dos imóveis participantes da pesquisa para verificar a distribuição espacial dos casos caninos. A prevalência da LVC foi estimada em 10,6%, com variação de 3 a 50%, distribuída em 70,6% dos bairros do município. A distribuição espacial pode ser observada por meio da varredura de agrupamentos e obtida à demarcação das áreas de risco diferenciado perante a ocorrência da doença no município de Juatuba. Foi observado aumento de 2,80 vezes mais chances em adquirir a LVC no cluster primário. A partir deste trabalho, as ações de prevenção e controle à LVC foram feitas de acordo com a especificidade de cada localidade, para evitar a expansão da doença entre os cães e novos casos humanos em Juatuba, Minas Gerais.
ABSTRACT
The objective of the present study was to determine the prevalence and spatial distribution of visceral leishmaniasis in dogs (VLD) at Juatuba city, Minas Gerais, Brazil, in 2010. A cross-sectional observational study was performed collecting blood samples from 957 dogs, defined randomly in all city districts. For the sorological diagnosis was used indirect immunofluorescence (IIF) and enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA), recommended by the Ministry of Health. Geographical coordinates of properties that participated in the survey were marked in order to check the spatial distribution of canine cases. The VLD prevalence was estimated in 10.6%, ranging from 3% to 50.0%, distributed between 70.6% of city districts. Spatial distribution could be observed by scanning the clusters and according to the disease occurrences the demarcation of different risk areas could be obtained. There was an increase of 2.80 times more likely to acquire the VLD on the primary cluster. As of this research the prevention and control actions for VLD were made according to the specificity of each location to prevent the disease spread among dogs and new human cases.

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.3: Acabar com as doenças tropicais negligenciadas e combater as doenças transmissíveis Base de dados: LILACS Tipo de estudo: Estudo de prevalência / Estudo de rastreamento País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Ciênc. rural Assunto da revista: Ciência / Saúde Ambiental Ano de publicação: 2014 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.3: Acabar com as doenças tropicais negligenciadas e combater as doenças transmissíveis Base de dados: LILACS Tipo de estudo: Estudo de prevalência / Estudo de rastreamento País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Ciênc. rural Assunto da revista: Ciência / Saúde Ambiental Ano de publicação: 2014 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)/BR
...