Your browser doesn't support javascript.
loading
Rituais escolares: notas sobre jogos e olimpíadas escolares como rituais / School rituals: notes on school games and olympics as rituals
Medeiros, Ana Gabriela Alves; Rios, Fernanda Gonçalves; Varnier, Thaíse Ramos; Ribeiro, Etyelle; Tavares, Otávio.
Afiliação
  • Medeiros, Ana Gabriela Alves; Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Educação Física e Desporto. Vitória. BR
  • Rios, Fernanda Gonçalves; Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Educação Física e Desporto. Vitória. BR
  • Varnier, Thaíse Ramos; Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Educação Física e Desporto. Vitória. BR
  • Ribeiro, Etyelle; Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Educação Física e Desporto. Vitória. BR
  • Tavares, Otávio; Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Educação Física e Desporto. Vitória. BR
Rev. educ. fis ; 23(2): 217-227, 2012. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-701447
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
A teoria sociológica aponta que todas as sociedades constroem formas de celebração de seus valores e identidade. Segundo autores como DaCosta (2000) e MacAloon (1984), os jogos olímpicos pautam-se em valores da modernidade ocidental, e que os celebra em grandiosas cerimônias. Inseridos no âmbito escolar, identificamos um elevado número de "jogos" e/ou "olimpíadas" que, direta ou indiretamente, baseiam-se no modelo olímpico. Neste contexto, tivemos por objetivo analisar os sentidos, significados e valores envolvidos na realização de jogos escolares, com ênfase em suas cerimônias de abertura. Além disso, buscamos compreender as razões que orientam os professores a organizarem estas competições. Para tanto, foram realizadas observações em duas cerimônias em escolas da Grande Vitória e entrevistas com os professores organizadores das competições. Verificamos que as apropriações dos valores ritualizados nos jogos olímpicos são singulares e baseadas na realidade local, porém coexistem com a emulação de um modelo que se propõe universal.
ABSTRACT
Sociological theory suggests that all societies create ways of celebrating their values and identity. According to authors such as DaCosta (2000) and MacAloon (1984), Olympic Games are guided by values of the western modernity and celebrate them through its ceremonies. In the school context, a high number of "games" and/or "Olympics" might be identified, which, directly or indirectly, are based in the Olympic model. Thus, we aimed to analyze the meanings of values involved in the realization of these school games, focusing in the opening ceremonies. Moreover, we intended to understand the reasons that guide teachers to organize such competitions. For doing so, two schools ceremonies were observed and interviews were made with teachers who organized the competitions. We found that the appropriation of the values ritualized in OG is singular, based on local realities, but coexist with the emulation of a universal model that is proposed.

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. educ. fis Assunto da revista: Medicina Esportiva Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Espírito Santo/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. educ. fis Assunto da revista: Medicina Esportiva Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Espírito Santo/BR
...