Your browser doesn't support javascript.
loading
Vulnerability of women living with HIV/aids / Vulnerabilidade de mulheres vivendo com HIV/Aids / Vulnerabilidad de mujeres viviendo con VIH/SIDA
Duarte, Marli Teresinha Cassamassimo; Parada, Cristina Maria Garcia de Lima; Souza, Lenice do Rosario de.
Afiliação
  • Duarte, Marli Teresinha Cassamassimo; Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho. Faculdade de Medicina de Botucatu. Departamento de Enfermagem. Botucatu. BR
  • Parada, Cristina Maria Garcia de Lima; Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho. Faculdade de Medicina de Botucatu. Departamento de Enfermagem. Botucatu. BR
  • Souza, Lenice do Rosario de; Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho. Faculdade de Medicina de Botucatu. Departamento de Enfermagem. Botucatu. BR
Rev. latinoam. enferm ; 22(1): 68-75, Jan-Feb/2014. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-702053
Biblioteca responsável: BR1.1
ABSTRACT

OBJECTIVE:

outline the profile of women living with the human immunodeficiency virus/aids in interior cities in São Paulo State, in the attempt to identify characteristics related to individual, social and programmatic vulnerability and to analyze the conditions in which they discovered their serological status.

METHOD:

between October 2008 and December 2010, a cross-sectional study was undertaken with 184 women attended at a specialized service. The data were collected through an interview and gynecological test, including the collection of samples for the etiological diagnosis of sexually transmissible conditions.

RESULTS:

the women were predominantly white, between 30 and 49 years of age, lived with a partner, had a low education level, multiple sexual partners across the lifetime and unsafe sexual practices. The prevalence of sexually transmitted diseases corresponded to 87.0%.

CONCLUSION:

the study suggests the need to offer gynecological care in specialized services and the accomplishment of multiprofessional actions to reinforce the female autonomy in protective decision making. .
RESUMO

OBJETIVO:

traçar o perfil de mulheres vivendo com o vírus da imunodeficiência humana/Aids em municípios do interior do Estado de São Paulo, buscando-se identificar características relacionadas à vulnerabilidade individual, social e programática e analisar as condições em que tiveram conhecimento de seu status sorológico.

MÉTODO:

entre outubro de 2008 e dezembro de 2010, foi realizado estudo transversal, envolvendo 184 mulheres atendidas em serviço especializado. Os dados foram obtidos por entrevista e exame ginecológico, com coleta de amostras para diagnóstico etiológico de doenças sexualmente transmissíveis.

RESULTADOS:

predominaram mulheres brancas, entre 30 e 49 anos de idade, com companheiro, baixo nível escolar, múltiplos parceiros sexuais durante a vida e prática de sexo inseguro. A prevalência de doenças sexualmente transmissíveis foi de 87,0%.

CONCLUSÃO:

o estudo sugere a necessidade de ofertar assistência ginecológica em serviços especializados e realização de ações multiprofissionais que reforcem a autonomia feminina na tomada de decisões protetoras. .
RESUMEN

OBJETIVO:

trazar el perfil de mujeres viviendo con el Virus de la Inmunodeficiencia Humana/SIDA en municipios del interior del Estado de Sao Paulo, buscando identificar características relacionadas a la vulnerabilidad individual, social y programática y analizar las condiciones en que tuvieron conocimiento de su estatus serológico.

MÉTODO:

entre octubre de 2008 y diciembre de 2010 fue realizado un estudio transversal, con la participación de 184 mujeres atendidas en un servicio especializado. Los datos fueron obtenidos por medio de entrevista y examen ginecológico, con recolección de muestras para diagnóstico etiológico de enfermedades sexualmente transmisibles.

RESULTADOS:

predominaron mujeres blancas, entre 30 y 49 años de edad, con compañero, bajo nivel escolar, múltiples compañeros sexuales durante la vida y práctica sexual insegura. La prevalencia de enfermedades sexualmente transmisibles fue de 87,0%.

CONCLUSIÓN:

el estudio sugiere la necesidad de ofrecer asistencia ginecológica en servicios especializados y la realización de acciones multiprofesionales que refuercen la autonomía femenina en la toma de decisiones protectoras. .
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Infecções por HIV / Populações Vulneráveis Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Feminino / Humanos Idioma: Inglês Revista: Rev. latinoam. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2014 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Infecções por HIV / Populações Vulneráveis Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Feminino / Humanos Idioma: Inglês Revista: Rev. latinoam. enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2014 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho/BR
...