Your browser doesn't support javascript.
loading
A Influência do ruído na habilidade auditiva de ordenação temporal para sons verbais / The influence of noise on verbal auditory temporal ordering ability
Guimarães, Ana Carolina Fonseca; Santos, Juliana Nunes; Rabelo, Alessandra Terra Vasconcelos; Magalhães, Max de Castro.
Afiliação
  • Guimarães, Ana Carolina Fonseca; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
  • Santos, Juliana Nunes; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
  • Rabelo, Alessandra Terra Vasconcelos; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
  • Magalhães, Max de Castro; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
Rev. CEFAC ; 17(1): 209-215, Jan-Feb/2015. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-741954
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO

OBJETIVO:

apurar a relação entre o ruído presente em sala de aula e a habilidade auditiva de ordenação temporal para sons verbais.

MÉTODOS:

estudo descritivo transversal, com amostra de 209 estudantes com idade entre sete e dez anos. Foi realizada a avaliação do ruído em 13 salas de aula de oito escolas públicas municipais de Belo Horizonte, por meio da medição do parâmetro acústico nível de pressão sonora equivalente, com as salas de aula vazias e mobiliadas, de acordo com a norma American National Standards Institute (ANSI) S12.60. Para avaliar a habilidade auditiva de ordenação temporal para sons verbais nos estudantes, foi utilizado o teste de memória sequencial verbal. Para fins de análise estatística, o ruído foi categorizado pelo valor da mediana e relacionado aos resultados dos estudantes no teste.

RESULTADOS:

a maioria dos alunos apresentou resultado normal no teste e não houve diferença em relação ao gênero e à idade. Todas as salas de aula apresentaram valores de nível de pressão sonora equivalente acima do preconizado pelas normas regulamentadoras internacionais (ANSI S12.60 e Bulletin 93) e nacional (Associação Brasileira de Normas Técnicas -NBR10152). Ao relacionar o ruído com o desempenho dos alunos no teste, houve diferença, com maior ocorrência de alterações nos alunos pertencentes às salas mais ruidosas.

CONCLUSÃO:

os níveis de ruído mensurados nas salas de aula estão acima do permitido pelas normas e constatou-se relação entre ruído presente na sala de aula e maior dificuldade na habilidade auditiva de ordenação temporal. .
ABSTRACT

PURPOSE:

to investigate the relationship between ambient noise levels in classrooms and auditory temporal ordering ability for verbal sounds.

METHODS:

a cross-sectional descriptive study of a sample of 209 students aged 7‒10 years was conducted. Noise levels were measured in 13 classrooms at 8 Belo Horizonte public schools. The acoustic parameter for this assessement was the equivalent sound pressure level for unoccupied and furnished classrooms according to the American National Standards Institute (ANSI) standard S12.60. To assess the verbal auditory temporal ordering ability of students, a verbal sequential memory test was given. For statistical analysis, noise was categorized on the basis of the median noise level value and related to the students' achievement in the test.

RESULTS:

most students showed normal results and no statistical difference was found regarding sex and age. All classrooms had noise levels ​​above the upper limits recommended by international (ANSI S12.60 and Bulletin 93) and national (Brazilian Association of Technical Standards - NBR10152) standards. Significant differences were found when relating the noise with student test performance, with greater alterations in the students belonging to the noisiest rooms.

CONCLUSION:

ambient classroom noise levels were above those permitted by the standards. Classroom noise was associated with greater difficulties in auditory temporal ordering ability. .

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. CEFAC Assunto da revista: Patologia da Fala e Linguagem Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. CEFAC Assunto da revista: Patologia da Fala e Linguagem Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais/BR
...