Your browser doesn't support javascript.
loading
Estresse osmótico na germinação de sementes de Petiveria alliacea L / Osmotic stress on seed germination of Petiveria alliacea L
LAVEZO, A.; BRAGA, L. F.; BATISTÃO, A. C.; BONFANTE, L. V..
Afiliação
  • LAVEZO, A.; Universidade do Estado de Mato Grosso. Alta Floresta. BR
  • BRAGA, L. F.; Universidade do Estado de Mato Grosso. Alta Floresta. BR
  • BATISTÃO, A. C.; Universidade do Estado de Mato Grosso. Alta Floresta. BR
  • BONFANTE, L. V.; Universidade do Estado de Mato Grosso. Alta Floresta. BR
Rev. bras. plantas med ; 17(4): 622-630, out.-dez. 2015. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-763229
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
RESUMOO trabalho teve como objetivo verificar os efeitos dos estresses hídrico e salino na germinação de sementes de Petiveria alliacea , bem como definir os limites máximos de tolerância da espécie a esses estresses. As sementes foram submetidas aos agentes osmóticos NaCl, CaCl2 e PEG nos potenciais à 0; -0,1; -0,2; -0,3; -0,4; -0,5; -0,6; -0,7; -0,8; -0,9 e -1,0 MPa sob temperatura constante de 25˚C e fotoperíodo de 12 horas, com avaliações diárias durante 30 dias. As variáveis analisadas foram porcentagem de germinação, índice de velocidade de germinação, tempo médio de germinação, índice de sincronização e frequência relativa da germinação. As sementes de P. alliacea sob estresse osmótico apresentam menor porcentagem e velocidade de germinação com a redução dos potencias osmóticos, principalmente com CaCl2. Em potenciais osmóticos mais negativos que -0,4; -0,5 e -0,7 MPa, respectivamente nos agentes CaCl2, NaCl, e PEG, não ocorre germinação. O padrão de distribuição da frequência relativa aumentou a polimodalidade, o tempo médio de germinação e o índice de sincronização da germinação com a redução dos potencias osmóticos.
ABSTRACT
ABSTRACTThe study aimed to investigate the effects of water and salt stress on seed germination of Petiveria alliacea, as well as to define the limits of tolerance of the species to these stresses. The seeds were subjected to osmotic agents NaCl, CaCl2 and PEG in the potential 0; -0.1; -0.2; -0.3; -0.4; -0.5; -0.6; -0.7; -0.8; -0.9 and -1.0 MPa at a constant temperature of 25˚C and a photoperiod of 12 hours, with daily assessments for 30 days. The variables studied were germination percentage, germination velocity index, middle fear germination, synchronization index and relative frequency of germination. The seeds of P. alliacea under osmotic stress had lower percentage and speed of germination with the reduction of the the osmotic potential, especially with CaCl2. At more negative osmotic potentials than -0.4; -0.5 and -0.7 MPa, respectively in the CaCl2, NaCl, and PEG agents, the germination does not occur. The distribution pattern of the relative frequency increased the several modalities, , the average time of germination and the germination index of synchronization with the reduction of osmotic potential.
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Petiveria tetrandra / Germinação / Desidratação País/Região como assunto: África Idioma: Português Revista: Rev. bras. plantas med Assunto da revista: Medicina / Terapias Complementares Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade do Estado de Mato Grosso/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Petiveria tetrandra / Germinação / Desidratação País/Região como assunto: África Idioma: Português Revista: Rev. bras. plantas med Assunto da revista: Medicina / Terapias Complementares Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade do Estado de Mato Grosso/BR
...