Your browser doesn't support javascript.
loading
Cuidado pré-natal às adolescentes: competências das enfermeiras / Prenatal care of adolescents: competencies of a nurse / Cuidado prenatal en las adolescentes: competencia de las enfermeras
Parenti, Patricia Wottrich; Silva, Lúcia Cristina Florentino Pereira da; Melo, Célia Regina Maganha e; Clapis, Maria José.
Afiliação
  • Parenti, Patricia Wottrich; Universidade de São Paulo (USP). BR
  • Silva, Lúcia Cristina Florentino Pereira da; Universidade de São Paulo (USP). BR
  • Melo, Célia Regina Maganha e; Universidade de São Paulo (USP). BR
  • Clapis, Maria José; Universidade de São Paulo (USP). BR
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-763917
Biblioteca responsável: BR21.2
RESUMO
A gestação é um momento único na vida da adolescente e necessita do apoio da enfermeira entre outrosprofissionais. O presente estudo teve como objetivo identificar as competências que a enfermeira deve desenvolverpara o cuidado pré-natal de adolescentes. Participaram dez enfermeiras que prestavam assistência pré-natal, emuma maternidade filantrópica do município de Ribeirão Preto (SP) há pelo menos um ano. Pesquisa de naturezaqualitativa, descritiva, com coleta de dados por meio de entrevistas semiestruturadas. Os resultados evidenciaram que,para as enfermeiras trabalharem na perspectiva da competência dialógica, articulando habilidades, conhecimentos eatitudes, a percepção do entendimento do contexto de vida, a utilização de linguagem adequada e a comunicaçãointerpessoal efetiva devem ser incorporadas às suas ações. Concluiu-se que a construção de protocolos assistenciais,que conferem maior autonomia para o cuidado pré-natal das adolescentes, deve ser assumida pelas enfermeiras,adotando o referencial das competências como norteador da mudança do modelo assistencial, deixando clara aimportância de treinamentos específicos para a realização da assistência pré-natal por enfermeiras, especificamenteno cuidado às gestantes adolescentes, privilegiando os serviços de educação continuada.
ABSTRACT
Pregnancy is a unique moment in the life of an adolescent and it requires the support of a nurse among otherprofessionals. This study had as objective to identify the competencies that a nurse must develop in order to work forprenatal care of adolescents. Ten nurses, who work in prenatal assistance for at least one year, in a philanthropicmaternity in the city of Ribeirão Preto, São Paulo (SP), participated in this research. This is a qualitative anddescriptive research; which collection of data was conducted through semi-structured interviews. The results showedthat in order to nurses work in the perspective of the dialog ability, articulating competencies, knowledge and attitudes,the perception of the life context, the use of proper language and the effective interpersonal communication must beincorporated in their actions. It could be concluded that the construction of assistance protocols, which offer greaterautonomy for prenatal care of adolescents, must be done by the nurses, adopting the referential of competencies asguide to change the assistance model, making clear the importance of specific training to perform prenatal care bynurses, specifically the care of pregnant adolescents, favoring the continuing education services.
RESUMEN
El embarazo es un momento único en la vida de la adolescente, necesitando del apoyo de la enfermera, así comode otros profesionales. El presente estudio tuvo como objetivo identificar las competencias que la enfermera debedesarrollar para el cuidado prenatal de las adolescentes. Participaron diez enfermeras que, hace un año, ofrecenasistencia prenatal, en una maternidad filántropa del municipio de Ribeirão Preto (SP). Investigación de enfoquecualitativo, descriptivo, cuya recolecta de datos se realizó a través de entrevistas semiestructuradas. Los resultadosevidenciaron que, para que las enfermeras trabajen en la perspectiva de la competencia dialógica, articulandohabilidades, conocimientos y actitudes, la percepción del entendimiento del contexto de vida, la utilización delenguaje adecuado y la comunicación interpersonal efectiva deben ser incorporadas a sus acciones. Se concluyeque la construcción de protocolos asistenciales, que confieren una mayor autonomía para el cuidado prenatal delas adolescentes, debe ser asumido por las enfermeras, adoptando el referencial de las competencias como guíade cambio en el modelo asistencial, dejando clara la importancia de una formación específica para la atenciónprenatal por las enfermeras, específicamente en la atención a las adolescentes embarazadas, privilegiando losservicios de educación continua.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Gravidez na Adolescência / Cuidado Pré-Natal / Competência Profissional / Enfermagem Materno-Infantil / Saúde do Adolescente Limite: Adolescente / Humanos Idioma: Português Revista: Rev. baiana enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo (USP)/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Gravidez na Adolescência / Cuidado Pré-Natal / Competência Profissional / Enfermagem Materno-Infantil / Saúde do Adolescente Limite: Adolescente / Humanos Idioma: Português Revista: Rev. baiana enferm Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2012 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de São Paulo (USP)/BR
...