Your browser doesn't support javascript.
loading
Functional activity of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes in the first five days postpartum / Atividade funcional de leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos nos primeiros cinco dias após o parto
Morita, Maria Helena Setsuko; Vázquez, Mônica López; Yamano, Lúcia Mitsuko; Kawano, Jorge da Silva; Mosca, Tainá; Forte, Wilma Carvalho Neves.
Afiliação
  • Morita, Maria Helena Setsuko; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
  • Vázquez, Mônica López; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
  • Yamano, Lúcia Mitsuko; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
  • Kawano, Jorge da Silva; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
  • Mosca, Tainá; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
  • Forte, Wilma Carvalho Neves; Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Obstetrics and Gynecology Department. Faculdade de Ciências Médicas. São Paulo. BR
Rev. bras. ginecol. obstet ; 37(11): 512-515, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-764634
Biblioteca responsável: BR1.1
ABSTRACT

PURPOSE:

To assess the chemotactic activity and phagocytic response of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes among women in the first five days postpartum.

METHODS:

A prospective, cross-sectional clinical-laboratory study was conducted. Data of 31 postpartum women during the first five days after vaginal delivery were compared with those of 24 healthy non-pregnant non-postpartum women matched for age. The inclusion criteria were postpartum, clinically and obstetrically healthy women; vaginal delivery, singleton pregnancy carried to term; non-hypertensive, hyperglycemic, allergic, malnourished or with autoimmune or neoplastic diseases; not having received vaccines or blood products in the last three months. The Control Group was chosen according to the same inclusion criteria but involving non-pregnant non-postpartum women. The chemotactic activity of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes was assessed by determining the distance from directed migration to bacterial lipopolysaccharide, in three Boyden chamber assays. The phagocytic response was identified by assessing the Zymosan particles' ingestion in three assays carried out in Leighton tubes. The Student's t-test was used in the statistical analysis, adopting a 5% level of significance.

RESULTS:

The chemotactic activity of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes from postpartum women in the presence of homologous (73.2±6.9) and autologous (78.6±13.9) sera showed a significant increase compared to the values observed in the Control Group (64.1±4.1 and 66.6±5.4). Both chemotactic response and phagocytosis ingestion phase of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes were significantly increased (p<0.05) in postpartum women compared to healthy non-pregnant and non-postpartum women.

CONCLUSION:

There was an increase in the chemotactic activity and phagocytic response of neutrophilic polymorphonuclear leukocytes during the first five days after vaginal delivery in women.
RESUMO

OBJETIVO:

Avaliar a atividade quimiotática e a resposta fagocitária dos leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos entre puérperas nos cinco primeiros dias após o parto.

MÉTODOS:

Um estudo clínico-laboratorial prospectivo e transversal foi realizado. Dados de 31 puérperas nos cinco primeiros dias após o parto vaginal foram comparados aos de 24 mulheres saudáveis não gestantes e não puérperas, por meio da idade. Os critérios de inclusão foram puérperas clínica e obstetricamente saudáveis; parto vaginal; gestação de feto único a termo; não hipertensas, hiperglicêmicas, alérgicas ou desnutridas ou portadoras de doenças autoimunes ou neoplasias; sem terem recebido vacinas ou hemoderivados nos últimos três meses. O Grupo Controle foi selecionado utilizando-se os mesmos critérios, mas com mulheres não gestantes e não puérperas. A atividade quimiotática por leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos foi avaliada determinando-se a distância da migração dirigida ao lipopolissacarídeo bacteriano em três ensaios utilizando-se câmaras de Boyden. A resposta fagocitária foi identificada por meio da ingestão de partículas de zymosan em três ensaios, que foram realizados em tubos de Leighton. Na análise estatística, empregou-se o teste tde Student, adotando-se o nível de significância de 5%.

RESULTADOS:

A atividade quimiotática dos leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos de mulheres no pós-parto, na presença de soro homólogo (73,2±6,9) e autólogo (78,6±13,9), mostrou diferença significante quando comparada aos valores observados no Grupo Controle (64,1±4,1 e 66,6±5,4). A resposta quimiotática e a etapa de ingestão da fagocitose por leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos apresentaram acréscimos expressivos (p<0,05) em puérperas ao compararem-se aos valores de mulheres saudáveis não gestantes e não puérperas.

CONCLUSÃO:

Houve um aumento da atividade quimiotática e da resposta fagocitária por leucócitos polimorfonucleares neutrofílicos nos primeiros cinco dias após parto vaginal nas mulheres.
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Período Pós-Parto / Neutrófilos Tipo de estudo: Ensaio clínico controlado / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Feminino / Humanos Idioma: Inglês Revista: Rev. bras. ginecol. obstet Assunto da revista: Ginecologia / Obstetrícia Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Santa Casa de Misericórdia de São Paulo/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Período Pós-Parto / Neutrófilos Tipo de estudo: Ensaio clínico controlado / Estudo de prevalência Limite: Adolescente / Adulto / Feminino / Humanos Idioma: Inglês Revista: Rev. bras. ginecol. obstet Assunto da revista: Ginecologia / Obstetrícia Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Santa Casa de Misericórdia de São Paulo/BR
...