Your browser doesn't support javascript.
loading
Efeito sobre a morfologia do esmalte dental e análise físico-química de medicamentos utilizados por pacientes pediátricos com paralisia cerebral / Effect on dental enamel morphology and physical-chemical analysis of medicines used by pediatric patients with cerebral palsy
ALVES, Vanessa Feitosa; CARDOSO, Andreia Medeiros Rodrigues; CAVALCANTI, Yuri Wanderley; PADILHA, Wilton Wilney Nascimento.
Afiliação
  • ALVES, Vanessa Feitosa; Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa. BR
  • CARDOSO, Andreia Medeiros Rodrigues; Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa. BR
  • CAVALCANTI, Yuri Wanderley; Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa. BR
  • PADILHA, Wilton Wilney Nascimento; Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa. BR
Rev. odontol. UNESP (Online) ; 45(4): 201-205, July-Aug. 2016. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-795231
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
Resumo Introdução Muitos medicamentos pediátricos líquidos são considerados fatores de risco para a estrutura dentária. Esse potencial pode aumentar quando ingeridos de forma crônica, como é o caso do tratamento de algumas condições, tal como a paralisia cerebral. Objetivo Avaliar o efeito sobre a morfologia do esmalte dental e as propriedades físico-químicas de medicamentos de uso contínuo indicados a pacientes infantis com Paralisia Cerebral. Material e método A amostra foi constituída por quatro medicamentos Fenobarbital (M1), Carbamazepina (M2), Oxcarbazepina (M3) e Domperidona (M4), todos em suspensão oral. Analisaram-se o pH, o teor de Sólidos Solúveis Totais (SST) e a viscosidade dos medicamentos. Todos os testes foram realizados em duplicata. Para análise em microscopia eletrônica de varredura (MEV), 15 blocos de esmalte bovino foram distribuídos aleatoriamente e imersos em oxcarbamazepina (n=5), carbamazepina (n=5) e saliva artificial (n=5). Os ciclos de imersão foram feitos por seis dias, durante cinco minutos, duas vezes ao dia, com intervalos de 12 horas, quando ficavam mantidos em saliva artificial. O grupo controle permaneceu em saliva artificial. Os dados foram analisados descritivamente. Resultado Em relação ao pH endógeno, os valores variaram de 2,82 (M3) a 9,60(M1). Para o SST, as médias de maior e menor valor foram, respectivamente, de 20,5% (M3) e 46% (M1). A viscosidade variou de 6,89 mm2/s (M1) a 58 mm2/s (M3). Em MEV, observaram-se alterações sugestivas de perda de estrutura no esmalte dental em oxcarbamazepina e carbamazepina, proveniente da ação dos medicamentos analisados. Conclusão Concluiu-se que os medicamentos líquidos pediátricos analisados, indicados a pacientes com paralisia cerebral, apresentam potencial cariogênico e erosivo, destacando-se a Oxcarbazepina.
ABSTRACT
Abstract Introduction Many liquid pediatric medicines are considered risk factors for tooth structure. This potential may increase when taken chronically as is the case of some conditions such as cerebral palsy. Objective To evaluate the effect on the morphology of dental enamel and the physicochemical properties of continuous use of drugs given to pediatric patients with cerebral palsy. Material and method The sample consisted of three drugs for epilepsy Phenobarbital (D1), Carbamazepine (D2), Oxcarbazepine (D3); and one drug for gastroesophageal reflux Domperidone (D4). All in oral suspension. The pH, content of total soluble solids (TSS), and viscosity of the drugs were analyzed. The tests were made two measurements. For SEM analysis, 15 bovine enamel blocks were randomly distributed and immersed in oxcarbazepine (n=5); carbamazepine (n=5); and artificial saliva (n=5). The immersion cycles were made for 6 days, during 5 minutes, 2 times a day with intervals of 12 hours, when they were kept in artificial saliva. The control group remained in artificial saliva. Data were descriptively analyzed. Result Regarding endogenous pH, values ranged from 2.82 (D3) to 9.60 (D1). For TSS, the highest and lowest mean values were, respectively, 20.5% (D3) and 46% (D1). Viscosity ranged from 6.89 mm2/s (D1) to 58 mm2/s (D3). In SEM, observed alterations suggestive of loss of structure in the enamel in oxcarbazepine and carbamazepine from the action of the drugs analyzed. Conclusion It was concluded that the pediatric liquid drugs analyzed, indicated to patients with cerebral palsy, have the potential cariogenic and erosive, especially the Oxcarbazepine.

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. odontol. UNESP (Online) Assunto da revista: Odontologia Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal da Paraíba/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: Rev. odontol. UNESP (Online) Assunto da revista: Odontologia Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal da Paraíba/BR
...