Biblioteca Virtual em Saúde

Pesquisa | Preparação e resposta a desastres

  • BIREME | OPAS | OMS logo
 
1.

Gomphonema Ehrenberg (Bacillariophyceae) in a lotic environment of the Upper Paraná River floodplain, Brazil/ Gomphonema Ehrenberg (Bacillariophyceae) em ambiente lótico da planície de inundação do Alto Rio Paraná

Autor(es): Osório, Nicolli Cristina; Tremarin, Priscila Izabel; Ludwig, Thelma Veiga; Rodrigues, Liliana
Fonte: Acta sci., Biol. sci;39(2): 135-147, abr.- jun. 2017. ilus, tab
LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde ID: 846858
Resumo: A taxonomic study of species of the genus Gomphonema Ehrenberg (Bacillariophyceae) was performed in alotic environment (Ipoitã Channel) of the Upper Paraná River Floodplain. Samplings were performed in June, September and December 2013 and February 2014. Two petioles of Eichhornia azurea (Sw) Kunth were sampled at three different sites in the channel. Twelve species and two taxonomic varieties were identified. All species identified were recorded at the sampling site 3, loca ated close to the Ivinhema River. The lowest number of taxa occurred at the sampling site 1 (9 specific and infra specific taxa), in the confluence with the Paraná River. All taxa of Gomphonema were the first record for the Upper Paraná River Floodplain. Our results emphasize the lack of taxonomic studies for the region and the importance thereof to the knowledge of biodiversity.
Realizou- se o estudo taxonômico das espécies do gênero Gomphonema Ehrenberg (Bacillariophyceae) em um ambiente lótico (canal Ipoitã) da planície de inundação do alto rio Paraná. As coletas foram realizadas em junho, setembro e dezembro de 2013 e fevereiro de 2014. Dois pecíolos de Eichhornia azurea (Sw) Kunth foram amostrados em três pontos distintos do canal. Foram identificadas 12 espécies e duas variedades taxonômicas, sendo que todas foram registradas no ponto 3, situado próximo ao rio Ivinhema. O menor número de táxons ocorreu no ponto 1 (9 táxons específicos e infra específicos), na área de junção com o rio Paraná. Todos os táxons do gênero Gomphonema são primeiro registro para a planície de Inundação do Alto Rio Paraná. Os resultados ressaltam a carência de trabalhos taxonômicos para a região e a importância destes para o conhecimento da biodiversidade.