Biblioteca Virtual em Saúde

Pesquisa | Preparação e resposta a desastres

  • BIREME | OPAS | OMS logo
 
1.

O sismo de 1755: a atuação do enfermeiro na assistência aos feridos de Lisboa/ The 1755 Lisbon earthquake: the work of nurses in the care provided to the wounded

Autor(es): Fernandes, Ângela; Trunova, Anastasiya; Vicente, Carolina; Valente, Miguel; Rafael, Helga; Ferraz, Isabel; Ferreira, Óscar; Baixinho, Cristina
Fonte: Hist. enferm., Rev. eletronica;9(1): 35-47, jan-jun.2018.
LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde ID: 948335
Resumo: Este estudo teve por objetivo analisar o cuidado prestado por enfermeiros aos feridos e enfermos do terramoto de 1755, em Lisboa. Realizou-se uma pesquisa documental das fontes primárias identifi cadas, utilizaram-se as Portarias do Governo sobre o tratamento dos feridos, a assistência aos enfermos e a sua situação após o terramoto. Foi ainda analisado o livro das Enfermarias das Portas de Santo Antão, da Casa dos Almadas no Rossio e em São Bento da Saúde, após o terramoto, em 1755. A análise destes documentos permitiu desvelar várias dimensões da assistência pós-terramoto, nomeadamente no que respeitou à admissão e registo das entradas nas enfermarias provisórias. Conclui-se que houve enfermeiros religiosos e leigos do Hospital Real de Todos os Santos envolvidos na assistência a feridos e enfermos, com a clara indicação de que esses enfermeiros eram treinados