Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Prevalência de lesões por fricção em idosos institucionalizados / Prevalencia de lesiones por fricción enancianosem institución de salud / Prevalence of skin tears in institutionalized older adults

Vieira, Chrystiany Plácido de Brito; Araújo, Telma Maria Evangelista de; Silva Júnior, Fernando José Guedes da; Rodrigues, Átila Sâmia Oliveira; Galiza, Francisca Tereza de.
Cogitare enferm; 24: e65078, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, BDENF - enfermagem (Brasil) | ID: biblio-1055952
RESUMO Objetivo: analisar a prevalência de lesões por fricção e os fatores de risco associados em idosos institucionalizados. Método: estudo transversal e analítico, realizado com 54 idosos de instituição de longa permanência em Teresina, Piauí, por meio de entrevista, exame físico e prontuário. Dados coletados entre agosto e setembro de 2017. Realizou-se análise descritiva e inferencial, aplicação do teste t de student para observar a diferença das médias e o Odds Ratio na associação entre o desfecho e as variáveis independentes. Resultados: idade média foi de 77,4 anos, 63% homens, 77,8% analfabetos, 88,9% com comorbidades e 55,6% dependentes para atividades da vida diária. A prevalência da lesão foi 20,4%, maioria localizada nos membros inferiores e de categoria 3, não associada estatisticamente a nenhum fator de risco. Conclusão: observou-se elevada prevalência de lesão por fricção. Destaca-se que estes dados ajudam no conhecimento da epidemiologia dessas lesões e no planejamento de medidas preventivas.