Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Mortalidade infantil por causas evitáveis em capital do nordeste do Brasil / Mortalidad infantil por causas evitables en capital del noreste de Brasil / Infant mortality due to avoidable causes in capital in Northeastern Brazil

Filho, Augusto Cezar Antunes de Araujo; Sales, Isabela Maria Magalhães; Almeida, Priscilla Dantas; Araujo, Anna Karolina Lages de; Rocha, Silvana Santiago da.
Enferm. actual Costa Rica (Online); (34): 26-37, Jan.-Jun. 2018. tab, graf
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, BDENF - enfermagem (Brasil) | ID: biblio-891491
Resumo 21. O objetivo desta investigação foi descrever a ocorrência da mortalidade infantil, segundo causas evitáveis. Métodos: Trata-se de um estudo transversal, retrospectivo, realizado com dados sobre a mortalidade infantil no período de 2008 a 2014, em Teresina-PI. A população foi constituída por dados secundários disponíveis no site do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. Realizou-se a análise estatística descritiva, com distribuição de frequência absoluta e relativa. Do total de óbitos infantis registrados em Teresina-PI, a maioria, 1.108 (71,8%), foi classificada como evitável. Dentre esses óbitos, grande parte poderia ser evitável por meio de ações de saúde mais efetivas durante a atenção à mulher na gestação (56,8%), à mulher no parto (16,8%) e a assistência ao recém-nascido (13,4%). Conclusão: Apesar da diminuição da taxa de mortalidade no período estudado, os percentuais ainda encontram-se elevados, principalmente no que tange às mortes por causas evitáveis.