Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Evolução da mortalidade e dos anos potenciais e produtivos de vida perdidos por câncer de mama em mulheres no Rio Grande do Norte, entre 1988 e 2007 / Breast cancer mortality trends among women and years of potential life Lost in the State of Rio Grande do Norte, Brazil, from 1988 to 2007

Pereira, Maria Suely Lopes Correia; Ferreira, Luiz Oscar Cardoso; Silva, Gulnar Azevedo e; Lucio, Paulo Sérgio.
Epidemiol. serv. saúde; 20(2): 161-172, abr.-jun. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde | ID: lil-593444
Objetivos: descrever a evolução da mortalidade por câncer de mama e estimar os anos potenciais de vida perdidos (APVP) e anos produtivos de vida perdidos (APrVP). Metodologia: usou-se uma série temporal sobre óbitos de mulheres entre 20 e 70 anos cuja causa básica foi o câncer de mama; utilizou-se como fonte de dados o Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM); foram calculadas taxas de mortalidade brutas e padronizadas pela população mundial, APVP, APrVP e os seus respectivos coeficientes, por ano de ocorrência. Resultados: o risco de morrer por câncer de mama cresceu ao longo do período – taxa média de mortalidade ajustada de 9,7/100.000 mulheres –, sendo maior para a faixa de 50 a 59 anos de idade; perderam-se, no período estudado, 20.983,5 APVP e 10.853,5 APrVP. Conclusão: os resultados apontam à necessidadede estratégias de rastreamento e diagnóstico precoce de câncer de mama como cuidados indispensáveis às mulheres.