Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Homicídios e condição de vida: a situação na cidade do Recife, Pernambuco / Homicide and living conditions in the city of Recife, State of Pernambuco, Brazil

Barbosa, Andréa Maria Ferreira; Ferreira, Luiz Oscar Cardoso; Barros, Maria Dilma de Alencar.
Epidemiol. serv. saúde; 20(2): 141-150, abr.-jun. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde | ID: lil-593446
Objetivo: o estudo analisou os diferenciais da mortalidade por homicídios entre residentes segundo estrato de condição de vida e bairro, no Recife, no período 2004-2006. Metodologia: estudo ecológico exploratório de múltiplos grupos de base censitária; foi calculado o coeficiente acumulado de mortalidade por homicídios para o conjunto do Município e para estratos – regiões bairros classificados por condição de vida. Resultados: a análise mostrou um coeficiente acumulado para o Recife de 203,3/100 mil habitantes e um maior risco de morte por homicídios para os residentes no estrato IV (pior condição de vida); alguns bairros dos estratos I e II, considerados com melhores condições de vida, apresentaram coeficientes de mortalidade superiores ao doconjunto do Município; o risco relativo entre os estratos I e IV foi de 2,9. Conclusão: a desigualdade existente na estruturação da cidade traduz-se em coeficientes distanciados, mostrando que o risco da ocorrência dos homicídios não se apresentou homogêneo, atingindo principalmente áreas mais pobres.