Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Análise da mortalidade por homicídios no Recife-PE: tendências no período entre 1997 e 2006 / Analysis of homicide mortality in Recife, State of Pernambuco, Brazil: trends from 1997 to 2006

Barbosa, Andréa Maria Ferreira; Ferreira, Luiz Oscar Cardoso; Barros, Maria Dilma de Alencar.
Epidemiol. serv. saúde; 20(2): 131-140, abr.-jun. 2011. tab, graf
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde | ID: lil-593447
Objetivo: este estudo analisou a magnitude e a tendência da mortalidade por homicídios no Recife-PE no período entre 1997e 2006. Metodologia: os óbitos foram captados do Sistema de Informações sobre Mortalidade da Secretaria de Saúde do Recife; utilizou-se o desenho ecológico exploratório do tipo série temporal; analisou-se a tendência para os coeficientes segundo sexo e faixa etária, pelo modelo exponencial. Resultados: no período, ocorreram 9.850 óbitos por homicídios em residentes no Recife; cerca de 67 por cento deles ocorreram no grupo de 15 a 29 anos de idade; houve diferencial no risco de mortalidade segundo sexo e faixa etária – homens jovens associaram-se a maior risco de homicídios quando comparados às mulheres –; no geral, os coeficientes de mortalidade por homicídios reduziram em torno de 7,0 por cento, embora esse declínio demonstre significância estatística apenas nas faixas etárias acima de 30 anos e no sexo masculino. Conclusão: ações específicas devem se voltar, principalmente, à população de adolescentes e adultos jovens, visto que esses contingentes vêm mantendo os altos níveis de mortalidade por homicídios no Município.